Folha Vitória Aulas presenciais para educação infantil e berçário continuam suspensas em Domingos Martins

Aulas presenciais para educação infantil e berçário continuam suspensas em Domingos Martins

A Prefeitura esclareceu que até o final desta semana a pasta responsável se posicionará sobre o retorno das atividades para esses grupos

Folha Vitória
Foto: Divulgação/Prefeitura Domingos Martins
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

As aulas presenciais para os alunos da educação infantil I, II e o berçário (crianças de 0 a 2 anos) em Domingos Martins, região Serrana do estado, seguem suspensas no município. Procurada pela equipe de reportagem do Jornal Online Folha Vitória, a Prefeitura informou que a Secretaria Municipal de Educação e Esporte está estudando o assunto e que até o final da semana terá um posicionamento.

Por meio de nota, esclareceu ainda que as atividades voltaram a normalidade para a maioria dos níveis escolares e acontecem de forma híbrida, com revezamento de alunos. Segundo a secretaria, todas as escolas municipais seguem rígido protocolo sanitário.

O fato é que a retomada das aulas presenciais no Espírito Santo foi autorizada no último dia 21 de junho, em todo o estado, independente do nível de risco e a situação de Domingos Martins tem preocupado pais de alunos, como o Analista de Sistema, Felipe Rangel, de 33 anos. Ele tem dois filhos, um de dois anos e uma menina de cinco anos.

A menina entrou no ensino do rodízio. O filho de dois anos tem o Transtorno do Espectro Autista (TEA) e, segundo Felipe, o filho precisa do convívio escolar para ajudar no desenvolvimento dele com urgência.

"Eu e minha mulher trabalhamos fora, e ele fica aos cuidados da minha mãe. Mas, não consegue fazer as atividades que são dadas a ele. A cada 15 dias precisamos ir à escola entregar as atividades e buscar mais, no entanto, no caso dele, os papéis vêm e vão em branco", desabafou o pai.

Ainda de acordo com Felipe, na última vez que a mulher foi buscar as atividades, ela perguntou sobre o retorno das aulas presenciais, segundo ele, a diretora informou que só em julho, mas sem previsão de data.  

Protocolo sanitário

Os centros de ensino possuem termômetros para aferir a temperatura dos estudantes, demarcações nos ambientes e salas de aula sinalizando o distanciamento, tapetes sanitizadores, e cartazes informativos sobre as medidas de enfrentamento contra a Covid-19. 

Além disso, todos os trabalhadores da educação passaram por diversos treinamentos, para que o retorno às atividades presenciais seja realizado com segurança.

Últimas