Folha Vitória Carteiras de Identidade do ES terão informações de tipo sanguíneo. Entenda!

Carteiras de Identidade do ES terão informações de tipo sanguíneo. Entenda!

Uma lei, sancionada nesta segunda-feira, sugere que o cidadão pode solicitar a impressão da informação no documento

Folha Vitória
Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Após o início da impressão do novo modelo das Carteiras de Identidade no Espírito Santo, o governador Renato Casagrande sancionou uma lei que prevê que os documentos possuam as informações de tipo sanguíneo e fator Rh no verso da impressão.

A lei foi decretada pela Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales), sancionada e publicada em Diário Oficial do Estado desta segunda-feira (28). 

Segundo o texto da publicação, no verso do documento, em campo específico, deverão estar impressas as informações. Para isso, o interessado deve requerer e apresentar, exclusivamente, o documento comprobatório necessário.

Novo modelo

Em março deste ano, a Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), por meio da Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC), realizou as adaptações necessárias para iniciar a emissão do novo modelo de Carteiras de Identidade (RG), em conformidade com a Resolução Federal.

Desde o dia 1º de março, quem solicitou o documento já está recebendo o modelo novo, totalmente reformulado, que contém todas as informações que já existiam nas carteiras de Identidade antigas, e foi acrescido de outras informações relevantes sobre o cidadão. O documento também conta com recursos de segurança mais eficientes, para evitar falsificações.

“Foto, nome, filiação, data de nascimento, CPF, entre outras informações, são dados que já estamos habituados a encontrar no atual RG. Outros dados foram acrescidos, um que inclui um Código QR, que serve de comprovação de autenticidade do documento e dificulta falsificações”, afirmou o superintendente de Polícia Técnico-Científica, perito Renato Koscky Junior.

Como solicitar o novo RG?

O procedimento para dar entrada na Carteira de Identidade não mudou. Não é obrigatório tirar um novo documento, pois o modelo antigo continua válido em todo o território nacional.

Cidadãos que precisam de uma identidade podem fazer a solicitação nos Postos de Identificação espalhados pelo Estado. A primeira via de Carteira de Identidade é emitida gratuitamente. A segunda via tem custo de R$ 61,98.

Últimas