Folha Vitória Criança de 6 anos realiza o sonho de conhecer o trabalho dos garis de Vitória

Criança de 6 anos realiza o sonho de conhecer o trabalho dos garis de Vitória

Bryan Fellype sempre foi apaixonado pelo trabalho dos coletores de lixo e, na manhã desta quinta-feira (14), conseguiu brincar de "ser gari por um dia"

Folha Vitória
Foto: Whatsapp / Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um garotinho, de 6 anos, realizou o sonho de conhecer de perto o trabalho dos garis de Vitória, na manhã desta quinta-feira (14). Para completar a felicidade do menino, ele ganhou um uniforme de gari feito exatamente para o tamanho dele. 

A tia de Bryan Fellype, Laryssa Santos de Almeida, foi a responsável por divulgar a história do sobrinho. Ela usou o grupo de Whatsapp do coletivo Mulheres Poderosas da Grande Vitória para pedir ajuda e conseguir realizar o sonho da criança.

Laryssa contou que Bryan é autista e que sempre foi apaixonado pelo trabalho dos garis. Por este motivo, decidiu fazer algo especial para o sobrinho. 

"Já tem um tempinho que ele é apaixonado pelo trabalho dos garis. Sempre quando eles (os coletores) vêm aqui recolher o lixo, ele vai desesperado para a rua pra abraçar os meninos e até corre atrás dos caminhões. É uma paixão imensa", contou a tia. 

Uma das representantes do coletivo Mulheres Poderosas da Grande Vitória, Joana Nogueira, se emocionou com a história e decidiu entrar em contato com a Secretaria Central de Serviços. Ela conseguiu uma reunião com o secretário Léo Amorim na quinta-feira (08), e ele concordou ajudar Bryan a ter este dia tão especial. 

Na manhã desta quinta-feira (14), o tão esperado dia chegou. O garotinho teve a chance de entrar no caminhão que faz a coleta de lixo, tirou fotos com os coletores e brincou um pouco de ser gari por um dia. 

Os vizinhos da avó e tia do pequeno também entraram na brincadeira e fizeram uma lembrancinha para que Bryan presenteasse os coletores, que já o conheciam por conta da animação dele. Decidiram dar uma bala de iogurte e carinhosamente fizeram a embalagem com o desenho de um gari.

Foto: Whatsapp / Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

"Minha homenagem a vocês as vezes tão esquecidos, mas que fazem os meus dias mais felizes e são tão importantes a nossa sociedade. Abraços do pequeno Bryan Fellype", diz a mensagem na lembrancinha. 

A primeira-dama de Vitória, Paula Almeida Pazolini, também fez parte deste dia tão especial. Ela, que é madrinha da causa dos autistas na capital, tem envolvimento com o coletivo de mulheres e também quis ajudar o Bryan a realizar seu sonho. 

Últimas