Folha Vitória ES Solidário: saiba quem recebe o benefício de R$ 200 e a data de retirada do cartão

ES Solidário: saiba quem recebe o benefício de R$ 200 e a data de retirada do cartão

A entrega dos cartões começará a ser feita na próxima segunda-feira (26)

Folha Vitória
Foto: Divulgação / Governo do ES
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Famílias que estão em situação de pobreza no Espírito Santo já podem consultar se o nome está na lista dos que receberão o auxílio emergencial de R$ 200. Clique e saiba se você recebe!

Para dar início ao processo de consulta ao cronograma de entrega do Cartão ES Solidário nos municípios capixabas, a Secretaria de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades) disponibilizou uma aba destinada ao benefício. No portal, os cidadãos vão encontrar um guia com perguntas e respostas e também poderão saber se o nome consta na lista de beneficiários.

Destinado à famílias de baixa renda e que estejam inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), o Cartão ES Solidário surge com o intuito de amparar estas famílias em situação de vulnerabilidade.

Outra particularidade é que os beneficiários do cartão são pessoas que vivem em extrema pobreza (renda de até R$ 147 por pessoa) e que possuem no grupo familiar crianças de 0 a 6 anos, idosos com mais de 60 anos ou pessoas com deficiência.

Para ter acesso à estas informações, os interessados devem acessar o site da Setades na aba Cartão ES Solidário. A atual listagem de nomes contempla os cidadãos que vão receber o benefício entre os dias 26 e 30 de abril. Vale ressaltar que esta lista ainda não está completa.

Sistema sem falhas

Para garantir que o benefício seja recebido apenas pelas famílias que realmente precisa, a Setades contou com dois órgãos para o controle de nomes: Secretaria de Controle e Transparência (Secont) e a Controladoria Geral da União (CGU). 

Os nomes dos beneficiários foram submetidos à estas instituições e com isso, a lista será atualizada assim que as informações passarem por este controle.

Distribuição dos cartões

Segundo consta no cronograma, a entrega dos cartões começará a ser feita a partir do próximo domingo (25). As cidades tem até o dia 27 de maio para encerrar a entrega dos benefícios.

Para reforçar as medidas de controle contra a disseminação do coronavírus, a entrega será feita tendo como base o mês de nascimentos dos responsáveis legais do Cartão ES Solidário.

Os cidadãos que sejam responsáveis pelo cartão e que nasceram no mês de janeiro, vão receber o benefício na segunda-feira (26), primeiro dia de entrega. Os beneficiários nascidos em fevereiro, terão o cartão no dia 27 de abril e assim sucessivamente:

Foto: Divulgação / Setades
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Seguindo esta sequência, todos os municípios terão 12 dias úteis para entregar os cartões. Porém, nas cidades de grande porte e que concentram um quantitativo maior de beneficiários, o prazo será ampliado. Neste caso, as entregas podem ser feitas em até dois dias úteis.

Em cidades que, apesar do pequeno porte, ficarem com dificuldade em organizar a logística podem optar pela ampliação do calendário. Com isso, os cidadãos habilitados a receber o Cartão ES Solidário que moram nos municípios de Cariacica, Serra, Vila Velha, Vitória, Linhares, São Mateus, Cachoeiro de Itapemirim, Guarapari, Viana, Colatina, Afonso Cláudio, São Gabriel da Palha, Ponto Belo, Vila Valério, Vila Pavão e Mucurici, devem seguir o seguinte cronograma:

Foto: Divulgação / Setades
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

De acordo com a secretária de Estado de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social, Cyntia Figueira Grillo, oferecer um espaço com todas as informações necessárias é uma forma de facilitar a comunicação e promover uma maior transparência de todo o processo.

"Nosso interesse é fazer com que esse benefício chegue a quem realmente precisa, dentro dos critérios estabelecidos por lei e com responsabilidade. Tivemos o cuidado de fazer o cruzamento de nossa base de dados com dois órgãos de controle para garantir tanto a legitimidade do processo quanto a coesão das informações junto à sociedade”.

Últimas