Folha Vitória Ingerir apenas ácido hialurônico não deixa a pele melhor

Ingerir apenas ácido hialurônico não deixa a pele melhor

Estudos sugerem que o consumo via oral do ácido hialurônico ou do colágeno, essenciais para a sustentação da pele, dão bons resultados se associados a outros fatores. Entenda quais são.

Folha Vitória
Foto: Divulgação/DINO
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Apesar da pandemia, o mercado de beleza no Brasil cresceu 5,7% nos primeiros 4 meses de 2021 (fonte ABIHPEC) e de acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), a busca por procedimentos estéticos não cirúrgicos aumentou 390%. Para o Doutor Jorge Meneze as pessoas “Ao invés de optarem pela cirurgia, escolhem algo mais rápido e prático, a fim de prevenir o envelhecimento e as marcas de expressões, além de optarem também por um procedimento mais acessível ao bolso”.

Botox, cirurgias plásticas, preenchimento de colágeno, ácido hialurônico e outros tratamentos invasivos fazem sucesso, mas muitas pessoas acham caro ou têm medo dos seus riscos inerentes. Para atender essa demanda, suplementos em pó ou em cápsulas vendidos on-line apenas à base de colágeno hidrolizado ou ácido hialurônico prometem melhorar a pele, com menos riscos e de forma acessível.

Estudos

Um estudo clínico liderado pelo médico PHD Imke Gollner, em 2017, na Alemanhã, testou efeitos do ácido hialurônico (via oral) na pele de 40 mulheres entre 45 e 60 anos. Elas ingeriram uma vez ao dia e o resultado foi um aumento significativo na elasticidade, hidratação e diminuição da aspereza da pele e na profundidade de linhas de expressão e rugas. Nenhum efeito colateral foi observado nas participantes.

E sobre a suplementação do colágeno hidrolisado, uma pesquisa divulgada pela International Journal Of Dermatology com 19 estudos científicos, randomizados e duplo-cego, mostraram que 1.125 pessoas entre 20 e 70 anos, tiveram resultados favoráveis em comparação com o placebo, na hidratação da pele, elasticidade e rugas. “Com base nos resultados, a ingestão de colágeno hidrolisado por 90 dias é eficaz na redução do envelhecimento cutâneo, pois reduz as rugas e melhora a elasticidade e hidratação da pele”, afima a pesquisa.

Porém, para os dermatologistas, as pessoas não podem tomar suplementos com ácido hialurônico ou colágeno esperando “milagres”. Em seu canal do YouTube, o Doutor Leonardo Mello afirma que evidências clínicas sugerem que o colágeno e o ácido hialurônico via oral encrementam sim a qualidade da pele, mas precisam estar associados a outros fatores como mudanças de hábitos simples: beber bastante água, fazer exercícios físicos, não fumar e principalmente ingerir outros nutrientes essenciais para combater o envelhecimento da pele, como o verisol, por exemplo.

Outros ingredientes contra o envelhecimento da pele e em quais alimentos encontrar:

A astaxantina: um artigo científico da indústria farmaceutica Glenmark, na Índia, apontou que a astaxantina tem propriedades antiinflamatórias, imunomoduladoras e de reparo do DNA. Ela tem a maior capacidade da natureza de neutralizar os radicais livres (responsáveis pelo envelhecimento) e que não são combatidos pelo ácido hialurônico ou colágeno. Se mostrou eficaz para retardar o envelhecimento causado pelo sol. Têm astaxantina em abundância em camarões e lagosta.

Retinol (vitamina A): aprovada pela Food and Drug Administration como um agente anti-rugas, muda a aparência da superfície da pele e causam efeitos anti-envelhecimento. Ela está entre as substâncias mais eficazes para retardar o envelhecimento. As propriedades dos retinóides são anti-rugas e fortalecem a função protetora da epiderme, restringem a perda de água e protege o colágeno contra a degradação. Está presente nos peixes, gema de ovo e leite integral.

Picnogenol: o Instituto de Pesquisas Médicas de Dusseldorf, Alemanha, fez 20 mulheres na pós-menopausa ingerirem picnogenol durante 12 semanas. Melhorou significativamente a hidratação e a elasticidade da pele, principalmente em pele seca antes do início da suplementação. Foi constatado que ele neutraliza os sinais clínicos de envelhecimento da pele. O Picnogenol é uma substância extraída dos pinheiros, encontrada apenas em suplementos para consumo.

Pesquisamos no mercado brasileiro para saber se algum sumplemento incluia além do ácido hialurônico e colágeno, algum desses outros ingredientes estudados, apenas um deles, O Divine da marca Celestte Paris inclui também o verisol, astaxantina e picnogenol na fórmula.

Uma boa dieta com suplementação natural de ácido hialurônico ou colágeno hidrolizado, os outros ingredientes citados nessa matéria, e mudanças de hábitos, juntos, podem sim deixar a pele melhor, o que não significa que vão dar exatamente o mesmo resultados dos procedimentos estéticos, mas têm sido considerada uma alternativa para as pessoas, principalmente as mulheres, que desejam ter a pele mais bonita sem gastar muito dinheiro.

Últimas