Folha Vitória Inscrições para concurso da Receita Federal são prorrogadas

Inscrições para concurso da Receita Federal são prorrogadas

Para participar do concurso para auditor fiscal e analista tributário, os candidatos precisam ter nível superior em qualquer área do...

Folha Vitória
Foto: Agência Brasil
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil decidiu prorrogar até o dia 25 de janeiro, às 16h, as inscrições para o concurso público com 699 vagas para os cargos de auditor fiscal e analista tributário. 

A data para o pagamento da taxa de inscrição (DARF) também será alterada, sendo válida até o dia 26 de janeiro. Os valores são os seguintes: R$ 210 para o cargo de auditor fiscal e R$ 115 para analista tributário.

O salário para o cargo de auditor fiscal é de R$ 21.029,09 e para analista tributário, de R$ 11.684,39.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe do nosso grupo de notícias no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Candidatos que irão concorrer às vagas reservadas a pessoas com deficiência terão o prazo de envio do laudo médico também estendido até o dia 25 de janeiro.

As demais alterações e informações, como necessidade de adaptações, cotas, atendimento especial ou reconhecimento do nome social, devem ser solicitadas até o dia 25 da mesma forma. As relações das solicitações serão divulgadas no dia 8 de fevereiro. 

Para participar do concurso, os candidatos precisam ter nível superior, em nível de graduação, em qualquer área do conhecimento. As inscrições devem ser feitas pelo site da Fundação Getúlio Vargas, por onde também serão enviadas as solicitações especiais. 

A primeira etapa possui três fases: prova objetiva e prova discursiva, ambas de caráter eliminatório e classificatório, e pesquisa de vida pregressa, de caráter eliminatório. As provas serão realizadas em todas as capitais do país.

Curso de formação profissional na segunda etapa

A segunda etapa do concurso será o curso de formação profissional, de caráter eliminatório. Um edital específico será publicado para convocação desta etapa.

Ela será desenvolvida na modalidade online síncrona e assíncrona, ensino a distância, com provas realizadas online e presencialmente, em até cinco polos: Brasília (DF); Manaus (AM); Recife (PE); São Paulo (SP); e Curitiba (PR).

O curso abrangerá ainda uma semana de integração presencial dos candidatos. No ato da matrícula, o candidato deverá ordenar em ordem decrescente de preferência os cinco polo em que deseja realizar as provas presenciais e participar da semana de integração.

A distribuição em cada polo considerará a classificação obtida na primeira etapa do concurso, a ordem de preferência indicada pelo candidato e a disponibilidade de vagas em cada polo a ser definida pela administração.

Últimas