Folha Vitória Jejum não é para todos? Confira dias para quem busca essa alternativa para emagrecer

Jejum não é para todos? Confira dias para quem busca essa alternativa para emagrecer

Em relação ao jejum, Drielly esclarece que a prática funciona e é uma estratégia válida, mas não se aplica a todas as pessoas

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Acompanhando as redes sociais ou grupos de amigos, você com certeza conhece algum adepto ao jejum para emagrecimento. Apesar de ser uma prática aparentemente “milagrosa” para quem busca eliminar uns quilos, o jejum não é indicado para todos os tipos de pacientes e, em alguns casos, pode trazer resultados não esperados.

Quem faz o alerta é a nutricionista Drielly Daltoé. “As pessoas ainda associam comer menos e passar fome com emagrecimento, o que não é verdade. Recebo muitos pacientes que até se assustam com a quantidade de comida recomendada nas dietas, pois acham que estão comendo muito e não irão alcançar os resultados esperados”, explica.

Em relação ao jejum, Drielly esclarece que a prática funciona e é uma estratégia válida, mas não se aplica a todas as pessoas. “O primeiro passo é procurar um profissional, que vai avaliar sua rotina, seu histórico e seus hábitos. Se uma pessoa normalmente não gosta ou não é acostumada a tomar café da manhã, por exemplo, a tendência é que o jejum funcione para ela”, ressaltou.

A nutricionista explica que o emagrecimento se dá por um conjunto de fatores, como o déficit calórico – que nada mais é do que ingerir uma quantidade menor de calorias do que se gasta – e que o jejum não é superior à uma estratégia comum de emagrecimento e nem tão pouco a chave para alcançar os resultados desejados.

Últimas