Folha Vitória Mulher é presa após dar à luz em UPA de Vila Velha e jogar bebê em lixeira

Mulher é presa após dar à luz em UPA de Vila Velha e jogar bebê em lixeira

O bebê, que pesa 1kg e 900 gramas foi encaminhado para Hospital Infantil e Maternidade Alzir Bernardino Alves (Himaba), onde está internado

Folha Vitória
Foto: Adessandro Reis
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Uma mulher de 23 anos foi presa após dar à luz na Unidade de Pronto Atendimento Zilda Arns, em Riviera da Barra, Vila Velha, e jogar o bebê no lixo. O recém-nascido foi encontrado por uma servidora, na tarde de sexta-feira (28), na lixeira do banheiro. 

O bebê, que pesa 1kg e 900 gramas foi encaminhado para Hospital Infantil e Maternidade Alzir Bernardino Alves (Himaba), onde está internado. 

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas pelo WhatsApp? Clique aqui e participe do nosso grupo de notícias!

A Polícia Civil foi acionada, pois a suspeita inicial era de um aborto intencional, o que foi descartado após a ida de investigadores ao local. 

Segundo a polícia, a mulher deu um depoimento confuso e também foi levada para o Himaba. Depois, a Guarda Municipal a acompanhou até a delegacia. Segundo a Polícia Civil, a mãe foi autuada em flagrante pelo crime de abandono de incapaz e foi encaminhada ao sistema prisional.

Em nota, a Prefeitura de Vila Velha informou, por meio da Secretaria de Saúde, que a equipe da unidade encontrou um recém-nascido no lixo do banheiro feminino. 

"De imediato, foi prestado todo o atendimento necessário no tempo oportuno ao recém-nascido. A Guarda Municipal e o Conselho Tutelar foram acionados imediatamente para acompanhamento do caso. A prefeitura destacou que a equipe suspeitou de uma mulher ser a mãe do bebê e ambos foram encaminhados para o Himaba. ", diz a nota. 

Com informações do repórter da TV Vitória/Record TV, Lucas Melo. 

Últimas