Folha Vitória Pesquisa Futura: eleitor do ES quer professor qualificado que ganhe salário maior

Pesquisa Futura: eleitor do ES quer professor qualificado que ganhe salário maior

Levantamento encomendado pela Rede Vitória à Futura Inteligência mostra os desejos de melhorias dos eleitores do Espírito Santo para os próximos anos

Foto: Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Quais medidas podem ajudar a melhorar a educação nas escolas públicas do Espírito Santo? Este é um dos questionamentos realizados aos eleitores capixabas durante pesquisa realizada pela Futura Inteligência. 

O levantamento encomendado pela Rede Vitória aponta que, para os eleitores, a qualificação dos professores e outros profissionais que atuam na educação é o principal fator para ajudar a impulsionar o desenvolvimento dos alunos em sala de aula. Este ponto foi apontado por 29,5% dos entrevistados.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas no celular? Clique aqui e participe do nosso grupo de notícias!

A doutora em Educação Cleonara Schwartz adverte que a população de modo geral tende a acreditar que o sucesso dos estudantes está sempre ligado ao corpo docente, mas ela lembra que há outros fatores que precisam ser considerados. 

"Essa crença historicamente vem se consolidando, de que a responsabilidade do sucesso educacional passa exclusivamente pelo profissional da educação, mas a gente sabe que não é bem assim. A qualificação é importante, mas deve ser acompanhada de outros aspectos", defende.  

Entre os outros pontos mais citados pelos eleitores do Estado ouvidos na pesquisa estão o aumento do salário dos professores (20,8¨%), o aumento nos investimentos (17,0%) e melhoria da infraestrutura (10,3%). 

Veja abaixo dados da pesquisa: 

Metas para educação devem ser pensadas a longo prazo

Para a especialista, quando se pensa e discute ações ligadas à educação, é importante lembrar que as metas devem ser estudadas a longo prazo.

Cleonara acredita que um dos principais fatores que podem melhorar a educação pública no Estado são os financiamentos na área.

"Financiamento da educação para melhoria das condições de trabalho, das condições de oferta da educação. Esse financiamento é o que garante uma melhoria das infraestruturas, não só predial, mas também pedagógica e tecnológica", afirma.

LEIA TAMBÉM: Capixaba quer mais ônibus e saúde como prioridade de novo governador

A pesquisa ouviu 600 moradores do Espírito Santo com 16 anos ou mais entre os dias 05 e 10 de setembro deste ano. As entrevistas foram realizadas por telefonia assistida por computador. As pessoas ouvidas puderam escolher mais de uma opção dentre as apresentadas.

O índice de confiabilidade do levantamento é de 95% e a margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos.

Últimas