Folha Vitória "Preciosa": filme traz a escola como rede de proteção para uma adolescente vítima de abusos

"Preciosa": filme traz a escola como rede de proteção para uma adolescente vítima de abusos

Filme de Lee Daniels encantou o público ao trazer a história de uma jovem garota negra que tinha os próprios pais como algozes de sua trajetória

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um profissional da Educação pode fazer a diferença na vida de seu aluno se ele é capaz de enxergar em que contexto esse estudante vive, ao invés de simplesmente entregar conteúdo friamente. Assim é a ação da professora Blu Rain (papel de Paula Patton) no elogiado “Preciosa – Uma História de Esperança”. O filme lançado em 2009 traz uma adolescente, Claarice Jones (Gabourey Sidibe, em seu primeiro papel no cinema), a “Preciosa” do título, que lida com situações extremas de abuso dentro da própria casa.

Desacreditada pela família, ela vive no bairro de Harlem, na cidade de Nova Iorque, com a mãe desempregada, Mary (Mo'Nique), que não lhe dá paz, a todo momento descontando seu ódio irracional na garota por meio de castigos físicos e xingamentos. Preciosa foi estuprada por seu pai, Carl (Rodney "Bear" Jackson), o que acabou a engravidando duas vezes. A família reside em um cortiço e sobrevive de assistência social.

A primeira filha da protagonista tem Síndrome de Down e está sob os cuidados da avó materna, embora Mary obrigue a família a fingir que a criança ainda vive com ela para que possa receber dinheiro extra do governo. Quando a segunda gravidez de Preciosa é descoberta, sua diretora do ensino médio providencia para que a aluna frequente uma escola alternativa, onde espera que lá ela possa mudar o rumo de sua vida. Na nova escola, a garota encontra um escape da sua vida traumática, e é amada e valorizada.

Toda a autoestima da garota foi totalmente destruída. Ela cresceu fragilizada, desenvolveu obesidade mórbida, é semianalfabeta. A mudança acontece pela iniciativa da professora Blu Rain, que passa a confiar e encorajar a garota. Ela, à medida que vai conhecendo a situação da família, forma uma rede de ajuda com outros profissionais do colégio. O filme exalta a escola como local de refúgio e de resolução de problemas além da sala de aula quando há uma proposta de empatia envolvendo a comunidade escolar.

“Preciosa”, além de surpreender pela história e pela atuação de Gabourey Sidibe, foi indicada a seis indicações ao Oscar 2010 nas categorias de Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Edição, Melhor Atriz (Sidibe), Melhor Atriz Coadjuvante (Mo'Nique) e Melhor Roteiro Adaptado, tendo vencido as duas últimas.

Na trilha sonora, escolhida a dedo, muito R&B contemporâneo. Entre as músicas, o  cartão de visita do filme é “Destiny”, de Mary J.Bigle.

Só SoundTrack Boa

O filme fez parte do programa Só SoundTrack Boa, da Jovem Pan Vitória, apresentado por Serjão Nascimento. Ao longo do programa, de segunda a sexta, Rebeca Ramos apresenta dicas que fazem o ouvinte mergulhar na memória e viajar no tempo com canções que fazem parte da cultura pop mundial e, assim, tenta adivinhar qual é a série ou o filme que está sendo apresentado. Ao final, o ouvinte é convidado a enviar a sua resposta pelo Whatsapp da Pan e concorre a prêmios. Fique de olho que na próxima semana tem mais um clássico!

Últimas