Folha Vitória Queda de cabelo no pós parto pode ser tratada com vitaminas no couro cabeludo

Queda de cabelo no pós parto pode ser tratada com vitaminas no couro cabeludo

Dermatologista explica sobre as alterações hormonais do período e indica procedimentos capazes de diminuir os impactos

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um dos momentos mais importantes na vida de uma mulher é a gestação e parto, para muitas essa é a realização de um sonho de vida. Mas, as alterações hormonais que o corpo sofre no pós-parto atingem a saúde e força dos cabelos e assim, muitas mulheres sofrem com a queda capilar, principalmente no período de amamentação. 

A perda dos fios pode começar por volta dos três meses após o nascimento do bebê. "Durante esse período, os fios entram em fase catágena e telógena e a queda pode ser intensa. A amamentação pode agravar o que se caracteriza como eflúvio telógeno", explica Carla Nogueira, dermatologista da Mais Cabello, clínica especializada em tratamentos e transplantes capilares no Rio de Janeiro.

Para diminuir os impactos dessas intensas alterações hormonais, a aplicação de vitaminas no couro cabelo pode ajudar bastante. Mas atenção, o uso de finasterida é contraindecado nesse período de gestação e amamentação. A infusão no couro cabelo deve ser feita com autorização e autorização médica. "Esse complexo vitamínico tem que ser manipulado de acordo com as necessidades do paciente. Após a devida avaliação personalizada, o especialista pode dosar todas as quantidades de nutrientes e vitaminas que cada caso demanda", finaliza a dermatologista.

Últimas