Gazeta Digital Prefeito boliviano pede ajuda de Cáceres por causa de incêndios florestais

Prefeito boliviano pede ajuda de Cáceres por causa de incêndios florestais

Bolívia Incêndios

Bolívia Incêndios

Gazeta Digital

O prefeito de San Matías, Fábio López, município boliviano que faz fronteira com Cáceres (255 km ao Oeste de Cuiabá) veio ao Brasil pedir ajuda da população cacerense por causa do estado de emergência enfrentado por causa dos incêndios florestais. Mais de duas mil pessoas foram afetadas em 30 comunidades e precisam de alimentos, roupas e até água.

“Clamamos por ajuda. Mais de 2 mil pessoas que foram prejudicadas. Necessitamos de alimento, água, medicamentos. Estou apelando à ajuda internacional”, pede o prefeito boliviano.

Leia também - Trecho de BR-163 é interditado devido a incêndio de grandes proporções

De acordo com López, mais de 160 mil hectares foram prejudicas pelos incêndios florestais, que afetou também as fontes e reservas de água doce. Em alguns pontos do município o fogo ainda não foi controlado e há risco de que outras comunidades sejam atingidas.

“Venho ao vizinho mais perto, Cáceres, que sempre esteve de braços abertos para nos ajudar”, afirma o prefeito em vídeo. Em Cáceres as doações podem ser feitas na Prefeitura, localizada na avenida Getúlio Vargas, 1895, no bairro Vila Mariana.

Informações divulgadas pelo governo da Bolívia mostram que além de San Matias, outras 4 regiões do país também passam por problemas por causa dos incêndios florestais, que já destruíram uma área de mais de 950 mil hectares. Os governos da Argentina e Peru já anunciaram o envio de equipes e aeronaves para auxiliar no combate ao fogo.

Confira o pedido do prefeito