GO: 29º morador de rua é morto com 14 facadas

Motivo seria dívida de drogas, segundo a polícia; mortes ocorreram em 8 meses

Um morador de rua foi morto com pelo menos 14 facadas em Goiânia (GO), na madrugada desta terça-feira (16), em frente ao Hospital Materno Infantil. Segundo a polícia, ele foi morto durante uma briga por dívida de droga.

Testemunhas disseram que eles estavam grupo em uma praça. A dívida com droga da vítima seria de cerca de R$ 600. Os suspeitos do crime fugiram. Como não portava nenhum tipo de documento, o morador de rua ainda não foi identificado.

Desde o ano passado, foram mortos 29 moradores de rua na capital e região metropolitana. Na segunda-feira (15), outro homem foi morto a facadas no bairro Setor Coimbra, em Goiânia. A polícia informou que o homem foi atingido por pelo menos seis facadas e chegou a ser levado ao Hospital de Urgências de Goiânia, mas não resistiu.

A Secretaria Nacional de Direitos Humanos diz acreditar que haja um grupo de extermínio por trás dos assassinatos. Já a Secretaria de Segurança Pública de Goiás afirma que são casos isolados.

Leia mais notícias de Cidades

A Polícia Civil informou que identificou os locais que mais estão ocorrendo os atentados contra os moradores  e prometeu intensificar a segurança.