Cidades Ministro da Educação lamenta ataque em creche de Saudades (SC)

Ministro da Educação lamenta ataque em creche de Saudades (SC)

Três crianças e duas mulheres foram mortas a facadas em ação criminosa na manhã desta terça-feira (4). Autor está internado

  • Cidades | Do R7

Cinco pessoas morreram em ataque em SC

Cinco pessoas morreram em ataque em SC

Reprodução/Record TV

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, usou as redes sociais para comentar sobre o ataque criminoso que deixou cinco pessoas mortas em uma creche no município de Saudades, na região oeste de Santa Catarina, na manhã desta terça-feira (4). Ribeiro disse que está "profundamente entristecido pela tragédia na escola".

"Meus sentimentos aos familiares e oração para que o pai das misericórdias e Deus de toda consolação os fortaleça neste momento terrível", escreveu o ministro em publicação que finaliza com um trecho bíblico.

De acordo com as informações oficiais, três crianças e duas mulheres morreram no ataque. As vítimas são: a professora Keli Adriane Anieceviski, a agente de educativa Mirla Renner, e as crianças identificadas como Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses, Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses, e Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina, o autor do crime, um jovem de 18 anos, depois de cometer o atentado usando uma faca, usou a mesma arma para dar facadas no próprio pescoço e abdômen.

Ainda conforme a secretaria, ele está internado em estado gravíssimo no Hospital de Pinhalzinho. Uma outra criança também foi atingida na ação criminosa, mas sofreu ferimentos leves e está bem.

Em entrevista a jornalistas na porta da creche, o delegado da Polícia Civil de Santa Catarina Jerônimo Marçal Ferreira, que deve ser o responsável pelas investigações do caso, disse que "espera que ele sobreviva para que responda por aquilo que ele cometeu".

Últimas