Click Gratis Colchão: 4 erros que devem ser evitados no momento da compra

Colchão: 4 erros que devem ser evitados no momento da compra

Nenhum outro móvel que pode ser encontrado dentro da sua casa vai ser tão utilizado pelas pessoas quando a sua cama. Afinal de contas, de acordo com as mais variadas pesquisas já feitas, é neste local que acabamos ficando por cerca de 1/3 de todo o tempo de nossas vidas. E isso levando em consideração apenas o período de sono convencional, fora os descansos deste meio tempo. 

Além de todo o tempo que as pessoas ficam sobre uma cama, também existem outras questões que devem ser levadas em consideração. Mais do que simplesmente servir como um apoio durante o período em que as pessoas estão dormindo, existem uma série de questões relacionadas ao conforto e a forma correta em que as pessoas precisam ficar durante o sono para que elas realmente consigam descansar e se preparar para um novo dia. 

E um dos elementos que acabam tendo um papel fundamental nesta noite de sono com uma maior qualidade é o colchão, que vai sobre a estrutura da cama. Com o passar dos anos a estrutura dos colchões, bem como os materiais dos quais eles são feitos, acabou mudando bastante. Antigamente se utilizavam muitas penas de animais e outros materiais naturais, que acabaram sendo substituídos por materiais sintéticos e molas, que sustentam melhor a estrutura do corpo. 

Veja também:

Não compre colchão sem ver estas dicas para a compra perfeita! Novo lençol promete monitorar o sono, despertar o usuário e até aquecer a cama - veja

Como é o colchão que acaba tendo o contato direto com o corpo das pessoas que dormem e que é o responsável pela sustentação, é muito importante escolher de uma forma inteligente o tipo de colchão que será adquirido, uma vez que ele vai acabar fazendo parte da vida das pessoas durante muitos e muitos anos. 

Confira algumas dicas para não errar na hora da compra do colchão.

Colchão: 4 erros que devem ser evitados no momento da compra

Colchão: 4 erros que devem ser evitados no momento da compra

Click Grátis - Notícias

Não compre apenas pela marca

Um dos erros mais comuns que as pessoas cometem quando vão comprar colchões é escolher um determinado tipo ou modelo levando em consideração apenas a sua marca. De fato, algumas delas acabaram se tornando famosas e presentes na mente dos consumidores, mas muito mais pelo grande trabalho de marketing e divulgação feitos do que de fato pela qualidade dos colchões. 

E mesmo entre as marcas mais famosas, existem tipos de colchões que simplesmente não vão conseguir atender as necessidades das pessoas, uma vez que existem características técnicas destes colchões que devem ser compatíveis com a estrutura corporal de quem vai utilizar. 

Não acredite em tudo o que aparece na propaganda

Click Grátis - Notícias

Click Grátis - Notícias

Click Grátis - Notícias

Na intenção de conquistar os consumidores e conseguir se destacar diante de um mercado cheio de concorrência, as marcas acabam afirmando que os colchões contam com os mais variados tipos de benefícios, mas nem todos de fato acabam se tornando verdade. 

Por exemplo, muitas marcas afirmam que os colchões possuem tecnologias como hidratação e rejuvenescimento do corpo, o que acaba se tornando muito difícil de, de fato, se comprovar. Por outro lado, algumas outras propagandas que acabam evidenciando determinadas características dos colchões podem ser interessante e facilmente verificáveis. É o caso de colchões de marcas como Guildi, Zissou ou Emma, que oferecem uma opção de colchão que pode ser enrolado, levando mais praticidade para os consumidores. 

Não levar em consideração os tamanhos

Click Grátis - Notícias

Click Grátis - Notícias

Click Grátis - Notícias

É muito importante que as pessoas, no momento em que elas cheguem para a compra do colchão, já tenham uma noção em relação aos tamanhos que se tornaram populares no mercado e que acabam tendo um impacto não apenas no conforto, mas também no espaço que essa cama vai acabar tomando no quarto. E estes tamanhos também podem ser encontrados em marcas de colchões menos tradicionais, como as que oferecem as opções de colchões enrolados, como Guildi, Zissou ou Emma

A cama Queen é ideal para pessoas altas e os colchões precisam ter o tamanho padronizado de 198 cm de comprimento por 158 cm de largura. Já o colchão King é para quem em bastante espaço no quarto e quer mais conforto, com 203 cm de comprimento e 193 cm de largura. Os colchões de casal convencionais possuem geralmente tamanho de 188 cm de comprimento por 138 cm de largura. 

Não escolher a roupa de cama adequada

Click Grátis - Notícias

Click Grátis - Notícias

Click Grátis - Notícias

Essa é uma informação que está diretamente relacionada a dica anterior, com o tamanho da cama e também do colchão. É muito importante que este tamanho seja levado em consideração no momento em que as pessoas compram as roupas de cama. E este ponto requer ainda mais atenção quando as pessoas trocam a sua cama e o seu colchão atuais por um maior. 

Nestes casos, será preciso também trocar toda a roupa de cama, já que mesmo que existam lençóis elásticos que se adaptam a diferentes tamanhos, os mesmos podem acabar estragando muito mais rapidamente quando precisam ser utilizados em colhões maiores do que o seu tamanho recomendado. 

Últimas