Click Gratis Saiba o que fazer para baixar os triglicerídeos altos 

Saiba o que fazer para baixar os triglicerídeos altos 

Milhões de pessoas no mundo inteiro acabam se deparando com as taxas de triglicerídeos lá em cima quando fazem exames de sangue. Apesar de ser considerado como as principais gorduras do nosso organismo e essenciais para o funcionamento do mesmo, os triglicerídeos precisam ser controlados, e quando estão lá em cima podem causar uma série de problemas. 

Basicamente os triglicerídeos altos indicam que a pessoa está com um acúmulo de gordura no seu organismo. Por isso, na maioria dos casos essa acaba se tornando uma condição da obesidade. Mas nem sempre isso é verdade, já que pessoas magras também podem acabar apresentando um aumento na concentração de gordura no organismo.

Mas, quase sempre os triglicerídeos altos surgem em decorrência de uma alimentação inadequada. Alimentos ricos em gordura acabam se tornando uma das principais causas, mas não são apenas eles. Alimentos que tenham grandes quantidades de açucares, cereais e farinhas brancas também acabam sendo vilões, uma vez que estes grupos alimentares acabam se tornando gorduras no organismo.

Saiba o que fazer para baixar os triglicerídeos altos 

Saiba o que fazer para baixar os triglicerídeos altos 

Click Grátis - Notícias

Veja também:

13 comidas que fazem muito mal à sua saúde 7 itens do cotidiano que fazem mal à nossa saúde Quer emagrecer? conheça os hábitos que fazem engordar e evite-os

Dentre as principais consequências de ter os triglicerídeos altos por muito tempo está a possibilidade do desenvolvimento de determinadas doenças, como pancreatite e problemas cardiovasculares. 

Reduzindo os triglicerídeos

A principal estratégia que deve ser adotada pelos pacientes que contam com grandes quantidades de triglicerídeos no seu organismo é a adoção de uma vida maus saudável em todos os aspectos. Portanto, mudar hábitos alimentares errados, como o consumo de grandes quantidades de alimentos muito calóricos, é fundamental. 

Existem alguns grupos alimentares que devem ser observados mais atentamente por quem sofre deste tipo de problema. Pães e massas feitos com farinha branca, por exemplo, acabam levando grandes quantidades de energia para o organismo, que se não for gasta se transforma em gordura acumulada. 

Além disso, o açúcar também pode ser uma fonte de problema. Por isso essas pessoas também acabam tendo que evitar bebidas como os refrigerantes, por exemplo. Por outro lado, o aumento do consumo de determinados grupos alimentares ajuda neste controle, como o de frutas e também o de carnes brancas. 

Além disso, recomenda-se fortemente que as pessoas façam atividades físicas rotineiramente, especialmente os aeróbicos, como corrida, natação, caminhadas mais longas, etc.   

Últimas