Acionistas da Eletrobras aprovam aumento de capital de até R$10 bi

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Acionistas da Eletrobras aprovaram nesta quinta-feira em assembleia geral extraordinária aumento de capital social, por subscrição privada, de até 9,99 bilhões de reais, informou a companhia ao mercado.

A operação ocorrerá mediante a emissão de novas ações ordinárias, pelo preço unitário de 35,72 reais, e de novas ações preferenciais classe "B", pelo preço unitário de 37,50 reais, todas novas ações escriturais e sem valor nominal.

O montante mínimo de 4,05 bilhões de reais será subscrito e integralizado pelo controlador, a União Federal, mediante capitalização de créditos detidos contra a Companhia decorrentes de Adiantamentos para Futuro Aumento de Capital (AFACs).

None

(Por Marta Nogueira e Rodrigo Viga Gaier)