Economia Brasil fica na 21ª posição no ranking mundial de variações do PIB

Brasil fica na 21ª posição no ranking mundial de variações do PIB

Dados da Austin Rating mostram também que produção nacional em 2020, em dólares, foi a 12ª maior entre todas as nações

  • Economia | Do R7

Apenas três países do mundo cresceram em 2020

Apenas três países do mundo cresceram em 2020

Pixabay

Um ranking da consultoria Austin Rating que leva em conta a variação percentual do PIB (Produto Interno Bruto) coloca o Brasil em 21º lugar no mundo em 2020.

Nesta quarta-feira (3), o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou que no ano passado a economia nacional encolheu 4,1%, com a produção de R$ 7,4 trilhões.

O economista Alex Agostini, da Austin Rating, explica que para fazer o ranking levou em consideração as projeções dos PIBs dos outros países, que só serão divulgados pelo FMI (Fundo Monetário Internacional) em abril.

A lista é encabeçadas pelas únicas três economias do mundo que devem apresentar crescimento em 2020. Taiwan lidera, com mais 3,1%, seguido por China e Turquia, com, respectivamente, 2,0% e 1,6% positivos.

A economia dos Estados Unidos aparece em 16º no ranking, com queda de 3,5%.

Maiores economias do mundo

O estudo apontou também o tamanho das economias mundiais após o primeiro ano da pandemia de covid-19.

De acordo com os dados levantados no país e as projeções das outras nações, o Brasil passa a ocupar o 12º lugar no ranking, com US$ 1,420 bilhão produzidos em 2020, logo atrás da Rússia, com US$ 1,464,1 bi. 

A maior economia do mundo, os Estados Unidos, aparecem na frente com US$ 20.807,3 bi, seguidos pela China: US$ 14.860,8 bi.

Na projeção para 2021, o Brasil deve ser ultrapassado por Austrália e Espanha e cair para a 14ª posição, com US$ 1.431,6 bilhão,

Últimas