Coronavírus: OMS pede fronteiras abertas e manutenção do comércio 

De acordo com órgão, é importante conservar as passagens oficiais da população: em entradas irregulares, é mais difícil fazer o controle da doença

OMS declarou surto uma emergência global

OMS declarou surto uma emergência global

China Daily via Reuters / 29.1.2020

As fronteiras devem ser mantidas abertas e as pessoas e o comércio fluírem normalmente apesar do surto de coronavírus, embora os países tenham o direito soberano de tomar medidas para tentar proteger seus cidadãos, afirmou a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta sexta-feira (31).

A OMS, que declarou o surto uma emergência global na quinta-feira (30), manifestou nova preocupação de que o vírus possa se espalhar sem ser detectado em um país com um frágil sistema de saúde.

Há uma "grande razão para manter abertas as passagens oficiais da fronteira" para evitar que as pessoas entrem irregularmente e não verifiquem sintomas, disse o porta-voz da OMS Christian Lindmeier, em entrevista em Genebra.

"Se as restrições de viagem forem impostas, esperamos que tenham a menor vida possível para tentar manter o fluxo normal da vida", acrescentou.