Economia Crescimento do e-commerce é tema do Estúdio News de sábado

Crescimento do e-commerce é tema do Estúdio News de sábado

Com a pandemia o aumento que já vinha sendo registrado tornou-se mais intenso com empresas e consumidores se adaptando ao novo hábito.

  • Economia | Do R7

As compras via comércio eletrônico vêm se tornando cada mais presentes na vida dos brasileiros. Com a pandemia o crescimento que já vinha acontecendo, tornou-se mais intenso e empresas e consumidores tem se adaptado ao novo hábito.

O Estúdio News deste sábado (23) irá abordar as tendências do e-commerce e recebe Roberto Butragueño, diretor de Atendimento ao Varejo e E-commerce da Nielsen Brasil, Arnaldo Bertolaccini, diretor de Customer Experience do Ifood e Felipe Zmoginski, gerente de marketing e comunicações do AliExpress no Brasil.

Roberto Butragueño, Arnaldo Bertolaccini e Felipe Zmoginski

Roberto Butragueño, Arnaldo Bertolaccini e Felipe Zmoginski

Divulgação

Diversas empresas que nunca tinham vendido on-line passaram a usar meios alternativos para atender a demanda, o que ajudou muitas delas a se manter e crescer na pandemia e Butragueño, enxerga um grande potencial pela frente.

“O número de consumidores que compraram on-line no Brasil, seja pelo celular ou pelo computador, foi de 41 milhões de brasileiros e ainda há 180 milhões que não compraram. Nem todos terão conexão amanhã e nem todos terão celular, mas claramente a possibilidade de penetração é absurda, pois há uma base de clientes muito grande para atingir”.

O executivo da Nielsen Brasil também destaca o desenvolvimento nas diferentes regiões do país. “No primeiro semestre de 2020, as duas regiões que cresceram foram Nordeste e Norte, o Nordeste cresceu 107% no ano, ou seja, mais que dobrou o tamanho do e-commerce no último ano e o Norte cresceu 93%. ”

O aumento da digitalização consequentemente trouxe mais concorrência para o mercado, porém Bertolaccini diz que o Ifood tem focado na jornada do consumidor como um todo, incluindo parceiros, mercado e clientes, e dessa forma, gerando mais valor para os clientes que participam do novo ecossistema digital.

“Acreditamos muito que o consumo on-line continuará crescendo nos próximos meses e também nos próximos anos, acredito que várias ocasiões de consumo foram descobertas durante esse momento, várias opções de receber produtos que não eram conhecidas e de receber nas residências, passaram a fazer parte do cotidiano da vida das pessoas, então quem não tomava um café da manhã pelo delivery, passou a conhecer, viu o tamanho da comodidade e tenho certeza que isso vai continuar também quando a flexibilização aumentar.

O porta-voz do AliExpress no Brasil enfatizou a maturidade elevada do e-commerce, o crescimento das vendas por meio de dispositivos móveis e a tendência da taxa alta de vendas permanecerem.

“Há uma migração dos usuários brasileiros para fazer compras e operações on-line apenas por dispositivos digitais. Nessa pandemia em particular, vimos a entrada do que a gente chama de late adopters, pessoas que não tinham tanta intimidade com tecnologia e de mais idade que pela necessidade de não se expor ao covid passaram a recorrer ao e-commerce e utilizaram prioritariamente o dispositivo móvel. ”

O Estúdio News vai ao ar aos sábados, às 22h15. A Record News é sintonizada pelos canais de TV fechada 55 Vivo TV, 78 Net, 32 Oi TV, 14 Claro, 19 Sky e 134 GVT, além do canal 42.1 em São Paulo e demais canais da TV aberta em todo o Brasil.

Últimas