Economia Dólar cai 0,73%, e Ibovespa tem alta após anúncio de regra fiscal

Dólar cai 0,73%, e Ibovespa tem alta após anúncio de regra fiscal

Moeda americana fecha em baixa ante o real pelo quinto dia seguido, mesmo período em que o índice da bolsa está no azul 

Reuters
Dolár cai e Ibovespa fecha em alta após a divulgação da nova regra fiscal

Dolár cai e Ibovespa fecha em alta após a divulgação da nova regra fiscal

KEVIN DAVID/A7 PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO-13/10/2022

Pelo quinto dia seguido, o dólar fechou em baixa ante o real no Brasil, e o Ibovespa encerrou a sessão desta quinta-feira (30) em alta de 1,81%, a 103.631,3 pontos, segundo dados preliminares. A moeda dos Estados Unidos registrou queda de 0,73%, cotada a R$ 5,09 na venda à vista.

Apesar da agenda cheia e a volatidade do pregão, investidores reagiram positivamente à divulgação do novo arcabouço fiscal. A interpretação geral é de que o país continua atrativo ao capital externo, considerando o atual nível dos juros.

Na B3, às 17h03 (de Brasília), o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento caía 0,85%, a R$ 5,0955.

A expectativa dos agentes do mercado pelo nova regra fiscal do governo levou volatilidade para os negócios, com o dólar registrando ganhos em alguns momentos. Mas, à medida que os detalhes da proposta foram sendo divulgados, a reação às novas regras foi positiva, o que abriu espaço para mais um dia de queda da moeda norte-americana.

A proposta do novo arcabouço fiscal do país ainda passará pelo Congresso Nacional, o que pode minimizar o desconforto que alguns detalhes dela causaram no mercado. 

Além da alta de 1,81% no fechamento, o índice de referência do mercado acionário brasileiro chegou a 104.085,4 pontos na máxima diária. Apesar do avanço de 5,8% nessa série de altas, o Ibovespa ainda caminha para um desempenho negativo em março, de 1,2% até o momento.

O volume financeiro ao fim do pregão somava R$ 22,1 bilhões.

Últimas