Economia Ferramenta desfaz mito e garante que ano não começa depois do Carnaval

Ferramenta desfaz mito e garante que ano não começa depois do Carnaval

Software Runrun.it mostra que funcionários voltam estimulados ao trabalho no início do ano

Ferramenta desfaz mito e garante que ano não começa depois do Carnaval

Software mostra “ressaca de produtividade” na semana do Carnaval

Software mostra “ressaca de produtividade” na semana do Carnaval

Getty Images

Que atire a primeira pedra o brasileiro que nunca ouviu dizer que o ano só começa depois do Carnaval. Apesar do ditado, uma ferramenta que mede a produtividade dos trabalhadores indica o contrário.

Os dados do software Runrun.it mostram que o início do ano e o período pré-Carnaval resultam em dois picos produtivos. De acordo com o CEO da empresa que oferece a ferramenta, Antônio Carlos Soares, essas variações de desempenho têm motivos específicos.

— Tem um aumento de produtividade muito grande na primeira semana do ano, que é quando as pessoas estão voltando ao trabalho cheias de energia. Na semana imediatamente anterior ao Carnaval, acontece um comportamento menos intenso, mas parecido, com as pessoas tentando entregar mais coisas e correr atrás para poder sair mais cedo, não trabalhar na quarta-feira ou até emendar a semana.

O especialista em produtividade Christian Barbosa analisa que, apesar de uma pausa de mais de quatro dias, o Carnaval não é o pior dos feriados, porque é “usual”.

— Todos os anos as pessoas já sabem que tem Carnaval. Já tem essas emendas. Então, é normal. É um feriado que eu vejo que não afeta tanto o PIB.

Leia mais sobre Economia e ajuste suas contas

Crescimento da economia do Brasil passou de 7,5% para recessão técnica em quatro anos 

Para Soares, a semana do Carnaval é marcada por uma “ressaca de produtividade” como um reflexo consequente do ponto facultativo que rende poucos dias úteis no período. Apesar disso, ele afirma que os trabalhadores voltam da farra a todo vapor.

— É uma semana que é arrastada de verdade, com pouca coisa sendo iniciada e pouca coisa sendo concluída [...]. Na semana seguinte ao Carnaval, você tem um pouco do fenômeno da semana de início do ano, com um repique de produtividade.

Barbosa discorda de Soares e afirma que os picos de produtividade estão atrelados às pausas e os retornos e podem acontecer em qualquer feriado.

— Quando você tem parada de dois ou três dias, como acontece no Carnaval e no Ano-Novo, você sempre vai ter um pico de produtividade. Então, isso não significa que é por causa desses feriados.

Seja bombardead@ de boas notícias. R7 Torpedos

Moda, esportes, política, TV: as notícias mais quentes do dia

Divulgação/Runrun.it
    Access log