Economia Governo amplia prazo para recadastramento no Cadastro Único

Governo amplia prazo para recadastramento no Cadastro Único

Decisão leva em conta filas para efetuar a atualização no sistema, que viabiliza o pagamento de benefícios sociais

  • Economia | Do R7

Fim do prazo de atualização no CadÚnico gerou filas em postos de atendimento

Fim do prazo de atualização no CadÚnico gerou filas em postos de atendimento

LUIS LIMA JR/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO - 23.11.2021

O Ministério da Cidadania alterou o cronograma de averiguação e revisão de dados das famílias inscritas no CadÚnico (Cadastro Único). A decisão é motivada pelas filas geradas por beneficiários dos programas sociais para o recadastramento em postos de atendimento de todo o Brasil.

Com a atualização, os beneficiários do Auxílio Brasil que estão em revisão cadastral terão até 14 de outubro para atualizar as informações. O prazo venceria originalmente nesta sexta-feira (15). Já as famílias em averiguação cadastral cujo prazo para atualizar informações terminou em 10 de junho ganharam prazo extra até 12 de agosto.

A Revisão Cadastral consiste em solicitar à família a atualização dos registros no Cadastro Único caso esteja há mais de dois anos sem nenhuma alteração ou apresente dados novos de renda, situação de trabalho, endereço ou composição familiar. Já a averiguação cadastral analisa as informações do CadÚnico com base em outros registros administrativos federais.

As famílias inscritas no Cadastro Único devem atualizar os dados a cada dois anos ou sempre que houver alguma alteração. Neste ano, apenas as famílias com cadastros averiguados e revisados pela última vez em 2016 ou 2017 foram convocadas para checar as informações no sistema.

A atualização cadastral é fundamental para assegurar a qualidade dos dados e garantir que as informações registradas na base do Cadastro Único estejam sempre de acordo com a realidade das famílias. Programas sociais como o Auxílio Brasil, o BPC (Benefício de Prestação Continuada) e a Tarifa Social de Energia Elétrica exigem que o cadastro esteja atualizado para que as famílias possam receber os benefícios.

Últimas