Governo central tem déficit primário de R$ 25,8 bi em fevereiro

Resultado negativo acontece após superávit recorde de R$ 44,1 bi em janeiro. Dados ainda não refletem gastos para enfrentar pandemia

Governo central tem déficit primário de R$ 25,8 bi em fevereiro

Governo central tem déficit primário de R$ 25,8 bi em fevereiro

Marcelo Casal Jr./Agência Brasil

As contas do governo central registraram um déficit primário de R$ 25,8 bilhões em fevereiro, segundo balanço da Secretaria do Tesouro Nacional divulgado nesta segunda-feira (30).

Trata-se do pior desempenho para o mês desde 2017 na análise que engloba o desempenho das contas do Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central

O resultado negativo acontece após o caixa do governo central apresentar um  superávit de R$ 44,1 bilhões de janeiro. Em fevereiro de 2019, o resultado também havia sido negativo, da ordem de R$ 18,2 bilhões. A piora real é de 36%.

Prazo para saque imediato de até R$ 998 do FGTS acaba amanhã

O resultado ainda não reflete os gastos que o governo terá pela frente no enfrentamento da pandemia, posto que as principais medidas econômicas já anunciadas e em discussão no governo e no Congresso só começaram a ser discutidas de forma mais efetiva em março. O impacto deverá ocorrer nos próximos meses.

/Segundo o Tesouro Nacional, o aumento do déficit em fevereiro deste ano está relacionado ao aumento de repasses para governos estaduais em razão do bom desempenho registrado em janeiro.

Apesar do resultado negativo, o governo procurou destacar o dado positivo considerando o primeiro bimestre de 2020 como um todo. Nesse cenário, o superávit foi de R$ 18,3 bilhões, frente a um superávit de R$ 11,8 bilhões em 2019.