Economia Inflação da construção civil desacelera em maio, diz FGV

Inflação da construção civil desacelera em maio, diz FGV

Indicador registrou taxa de 0,09% no mês frente a 0,49% em abril deste ano. De janeiro a maio, o índice acumula taxa de 1,36%

Construção civil

INCC mede a inflação da construção civil

INCC mede a inflação da construção civil

Marco Ambrósio/Futura Press/Folhapress - 06.04.2019

A inflação da construção civil desacelerou em maio deste ano, segundo o INCC (Índice Nacional de Custos da Construção), divulgado nesta segunda-feira (27) pela FGV (Fundação Getulio Vargas). 

O indicador registrou 0,09% no mês, frente a 0,49% em abril do mesmo ano. 

Os metais para instalações hidráulicas, elevador, argamassa, refeição pronta no local de trabalho e massa de concreto foram as principais influências positivas do mês. Em contrapartida, as negativas foram o tijolo/telha cerâmica, aluguel de máquinas e equipamentos, cimento Portland comum, vergalhões e arames de aço ao carbono e materiais elétricos. 

A taxa do índice relativo a materiais, equipamentos e serviços variou 0,18% em maio, ante 0,67% em abril. O índice referente à mão de obra variou 0,01% em maio, após subir 0,33% em abril.

De janeiro a maio deste ano, o indicador registrou alta de 1,36%. Em 12 meses, a alta foi de 4,09%. 

O INCC é um indíce normalmente utilizado na correção dos valores das prestações de financiamentos de imóveis na planta.