Economia Pesquisa: apartamento padrão custa, em média, R$ 458 mil no País

Pesquisa: apartamento padrão custa, em média, R$ 458 mil no País

Descontada a inflação, preços dos imóveis recuaram pela 1ª vez em 10 anos

Apartamento padrão custa, em média, R$ 458 mil no País, diz pesquisa

Metro quadrado mais caro fica no Rio de Janeiro

Metro quadrado mais caro fica no Rio de Janeiro

Getty Images

O preço médio do metro quadrado no Brasil é de R$ 7.631 para quem quer comprar a casa própria, segundo os dados da FipeZap divulgados nesta quinta-feira (4).

Significa dizer que o brasileiro que deseja investir em um apartamento padrão no País, com um ou dois dormitórios e 60 m², precisará desembolsar quase R$ 458 mil para realizar o sonho.

O metro quadrado mais caro do Brasil foi registrado no Rio de Janeiro, onde está avaliado em R$ 9.811. Um apê de 60 metros quadrados na capital fluminense custa, em média, R$ 588,6 mil.

Os bairros do Leblon e Ipanema disparam como os mais caros da cidade, onde a metragem custa R$ 20.757 e R$ 19.378 respectivamente.

Por outro lado, ainda na Cidade Maravilhosa, os bairros de Cavalcanti e Pavuna são os mais em conta para se morar, onde o metro quadrado sai, em média, por R$ 2.286 e R$ 2.292, respectivamente. 

São Paulo é a segunda cidade mais cara do País. O preço médio do metro quadrado é de R$ 8.745. Um imóvel de 60 metros quadrados custa, em média, R$ 524,7 mil.

Os bairros paulistanos mais valorizados são Vila Nova Conceição (R$ 16.752/m²) e Jardim Paulistano (R$ 15.314/m²). Na contramão, em Cidade Tiradentes, o metro quadrado vale R$ 2.701. 

A terceira posição pertence a Brasília e os outros municípios do Distrito Federal, onde o metro quadrado é comercializado, em média, por R$ 8.238. O apartamento de 60 metros quadrados custa, em média, R$ 494,3 mil.

Contagem (MG), Goiânia (GO) e Vilha Velha (ES) são as cidades com menor preço médio do metro quadrado. Os valores são R$ 3.521, R$ 4.137 e R$ 4.638, respectivamente.

Queda nos preços

De acordo com a Fipe, que faz o levantamento em parceria com o portal Zap Imóveis, "nos 10 anos de histórico do indicador, esta foi a primeira vez que os preços encerraram um ano em nível nominalmente menor do que o do ano anterior". Quer dizer que, em uma década, foi a primeira vez que os imóveis ficam mais baratos que no ano anterior sem considerar a inflação.

Em média, no País, houve ligeira queda de 0,53% no preço dos imóveis residenciais no ano passado.

Durante o ano de 2017, houve queda nos preços do metro quadrado em 13 das 20 cidades analisadas, dentre elas Rio de Janeiro (-4,45%), Niterói (-3,43%), Fortaleza (-3,35%) e o Distrito Federal (-2,27%). Já Belo Horizonte (+4,47%) e Florianópolis (+4,34%) registraram valorização do metro quadrado em relação ao último ano. 

Veja o preço médio do preço quadrado de acordo com a cidade:

Rio de Janeiro - R$ 9.811

São Paulo - R$ 8.745

Distrito Federal - R$ 8.238

MÉDIA BRASILEIRA (20 cidades) - R$ 7.631

Niteroi - R$ 7.225

Florianópolis - R$ 6.853

Belo Horizonte - R$ 6.475

Fortaleza - R$ 6.036

Recife - R$ 5.899

São Caetano do Sul - R$ 5.894

Vitória - R$ 5.758

Curitiba - R$ 5.734

Porto Alegre - R$ 5.666

Campinas - R$ 5.568

Santos - R$ 5.317

Santo André - R$ 5.275

Salvador - R$ 5.026

São Bernardo do Campo - R$ 4.867

Vila Velha - R$ 4.638

Goiânia - R$ 4.137

Contagem - R$ 3.521

    Access log