Petrobras diz que pode recuperar R$ 17 bi após ganhar causa tributária

Estatal afirma que valores serão reconhecidos nas demonstrações financeiras do segundo trimestre de 2020

Recuperação envolve contribuições de PIS e Cofins pagas a mais

Recuperação envolve contribuições de PIS e Cofins pagas a mais

Paulo Whitaker/Reuters

A Petrobras informou na noite desta quarta-feira (29) que poderá obter até R$ 16,9 bilhões, antes dos efeitos fiscais, após a companhia ter obtido uma decisão favorável em um processo em que buscava recuperar contribuições de PIS e Cofins pagas a mais.

De acordo com informação anterior da Petrobras, teria havido cobrança além do devido em razão da inclusão do ICMS na base de cálculo das contribuições a partir de outubro de 2001.

Segundo a empresa, os valores serão reconhecidos nas demonstrações financeiras do segundo trimestre de 2020. "O aproveitamento do crédito será feito mediante compensação de tributos federais, após os trâmites normativos necessário", acrescentou.