Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Hora 7
Publicidade

Após viralizar, mulher que teve surto assustador em voo se desculpa: 'Momento ruim'

Tiffany Gomas disse que 'não estava no controle das emoções' durante o momento, e caso foi encerrado com advertência verbal

Hora 7|Do R7

No dia 2 de julho, um vídeo mostrou uma mulher que teve um surto apavorante durante um voo comercial nos Estados Unidos. Extremamente nervosa e abalada, ela se recusou a continuar dentro da aeronave e dizia que o passageiro ao lado dela "não era real".

A gravação chegou a ser contestada por muita gente, que afirmou que era tudo uma armação — mas chegou a ser vista quase 18 milhões de vezes.

Mas o vídeo é real, e agora não apenas descobriram a identidade da mulher como ela veio a público para pedir desculpa pelos momentos de tensão que protagonizou.

Tiffany reconheceu que não estava muito bem e pediu desculpa pelos transtornos
Tiffany reconheceu que não estava muito bem e pediu desculpa pelos transtornos Tiffany reconheceu que não estava muito bem e pediu desculpa pelos transtornos

Tiffany Gomas tem 38 anos e é descrita como uma executiva de marketing do Texas, nos Estados Unidos. De acordo com relatórios policiais, o incidente começou após a americana ter acusado outro passageiro de roubar os fones AirPods dela.

Publicidade

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

Como o caso não se desenrolou pacificamente, Tiffany apontou o tal passageiro e gritou que "aquele filho da p*** lá atrás NÃO é real". Ela acabou retirada do voo, a contragosto, por autoridades.

Em entrevista ao site TMZ, Tiffany disse que a situação foi "completamente inaceitável" e que não há desculpa para o comportamento dela.

Publicidade

"Olá a todos, sou eu, Tiffany Gomas, provavelmente mais conhecida como a 'dama louca do avião', o que é totalmente justificado", afirmou ela em uma entrevista de vídeo ao site.

"Aflita ou não, eu deveria estar no controle de minhas emoções, e esse não era o caso", completou Tiffany.

Leia também

O incidente foi encerrado sem acusações oficiais nem prisão. A executiva foi apenas advertida pela companhia aérea por causa do comportamento.

"Todos nós temos nossos momentos ruins; hum, alguns são muito piores do que outros, e o meu foi capturado na câmera para o mundo inteiro ver várias vezes", revelou ela, um tanto descontente com a repercussão da gravação.

"Desculpe, pessoal. Espero poder aproveitar essa experiência e fazer um pouco de bem ao mundo, e é isso que pretendo fazer", encerrou Gomas.

Mulher compra Boeing 777 e planeja transformá-lo em sua casa dos sonhos

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.