Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Após duas semanas, julgamento de El Chapo será retomado nos EUA

Audiências do julgamento do mais famoso traficante mexicano, que responde por 17 crimes, serão retomadas em Nova York nesta quinta-feira (3)

Internacional|Fábio Fleury, do R7

Julgamento de El Chapo será retomado nesta quinta-feira (3)
Julgamento de El Chapo será retomado nesta quinta-feira (3) Julgamento de El Chapo será retomado nesta quinta-feira (3)

Depois do recesso de fim de ano, o julgamento do traficante mexicano Joaquín 'El Chapo' Guzmán será retomado nesta quinta-feira (3), na Corte Federal do Brooklyn, em Nova York (EUA).

As audiências começaram no dia 5 de novembro do ano passado e se estenderam até 20 de dezembro. O mexicano é acusado de 17 crimes, incluindo tráfico, formação de quadrilha, extorsão e planejar assassinatos, e pode pegar até prisão perpétua.

Leia também

Diversas testemunhas, incluindo colaboradores históricos de Chapo, como o megatraficante colombiano Juan Carlos Abadía, já passaram pela sala de audiências, algumas sob forte esquema de segurança.

Testemunha gêmea

Publicidade

A ordem das testemunhas ainda não foi divulgada, mas a expectativa é que o julgamento seja retomado com o depoimento de Margarito Flores Jr. O irmão dele, Pedro Flores, foi uma das pessoas chamadas pela acusação em dezembro.

Margarito Jr e Pedro foram distribuidores de cocaína para o cartel de Sinaloa, liderado por Chapo, dentro dos EUA. Eles atuavam principalmente em Chicago e, de lá, a droga era enviada para diversas grandes cidades norte-americanas.

Publicidade

Durante o depoimento, Pedro contou que decidiu deixar o cartel depois que sua filha nasceu. Ele e o irmão gravaram chamadas em que combinavam um carregamento de heroína com Chapo e, em seguida, se entregaram às autoridades norte-americanas.

As gravações exibidas no tribunal são a prova mais contundente contra o traficante. Nelas, Guzmán negocia o transporte, entrega e venda de um carregamento de 20 quilos de heroína para Chicago, onde Flores e seu irmão, Margarito, trabalhavam.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.