Estados Unidos

Internacional Autoridades descobrem 'túnel do tráfico' na fronteira do México com EUA

Autoridades descobrem 'túnel do tráfico' na fronteira do México com EUA

Escavação com 530 m de comprimento contava com ferrovia, eletricidade e sistema de ventilação para a passagem de drogas

Reuters

Resumindo a Notícia

  • Autoridades dos Estados Unidos encontraram o túnel de 530 m
  • Escavação era usada para a passagem de drogas do México para os EUA
  • Local contava com ferrovia, eletricidade e sistema de ventilação
  • Seis pessoas foram presas por suposto envolvimento com o tráfico local
Estrutura deixava narcotraficantes a menos de 90 m da fronteira com a cidade de San Diego

Estrutura deixava narcotraficantes a menos de 90 m da fronteira com a cidade de San Diego

Departamento de Segurança Interna dos EUA/Divulgação via Reuters - 17.5.2022

Agentes antinarcóticos dos Estados Unidos descobriram um túnel de traficantes de drogas sob a fronteira dos EUA com o México equipado com ferrovia, eletricidade e sistema de ventilação, informou o Departamento de Justiça norte-americano.

O chamado narcotúnel ia da cidade mexicana de Tijuana a um depósito a 90 m da fronteira em San Diego, na Califórnia, disse o departamento em comunicado.

Autoridades dos EUA prenderam seis pessoas por suposto envolvimento no esquema de tráfico de drogas. Eles são acusados ​​de conspirar para distribuir cocaína, heroína e metanfetamina, entre outros crimes.

"Não há mais luz no final deste narcotúnel", disse o procurador dos EUA Randy Grossman no comunicado.

O túnel, estimado em mais de 530 m de comprimento, também foi equipado com paredes reforçadas.

O escritório da procuradoria-geral do Estado mexicano de Baja California, onde Tijuana está localizada, disse à Reuters que as autoridades norte-americanas os notificaram sobre o túnel no domingo (15), dois dias após a descoberta.

O cartel mexicano de Sinaloa, liderado há anos por Joaquín "El Chapo" Guzmán, é responsável por muitos desses túneis, encontrados em depósitos, casas e empresas, disseram autoridades mexicanas.

Desde 1993, cerca de 100 túneis foram descobetos na mesma região, mais recentemente em março de 2020, disseram promotores dos EUA. A promotoria federal do México não respondeu a um pedido de comentário.

Últimas