Internacional Barco de resgate de imigrantes fica à deriva com mais de 200 a bordo

Barco de resgate de imigrantes fica à deriva com mais de 200 a bordo

A embarcação financiada pelo artista de rua britânico Banksy está à deriva no mar Mediterrâneo; navio leva imigrantes resgatados da costa da Líbia

Reuters
Grafite de Banksy no exterior do barco de resgate financiado pelo artista

Grafite de Banksy no exterior do barco de resgate financiado pelo artista

REUTERS TV handout via REUTERS

Um barco de resgate financiado pelo artista de rua britânico Banksy pediu socorro urgente neste sábado (29), dizendo que estava à deriva no mar Mediterrâneo lotado de imigrantes, os quais não conseguiria levar até a costa.

O Louise Michel, batizado em homenagem a uma anarco-feminista francesa, começou a operar na semana passada. A embarcação está tentando encontrar um porto seguro para os 219 imigrantes que resgatou da costa da Líbia desde quinta-feira (27).

O barco, navegado por uma tripulação de 10 pessoas, publicou uma série de tuítes durante a madrugada e na manhã deste sábado, dizendo que a situação estava piorando e que apelou em vão para autoridades na Itália, em Malta e na Alemanha.

“Estamos chegando a um estado de emergência. Precisamos de ajuda imediatamente”, segundo um tuíte, que também informava que o barco está carregando um saco para cadáveres com o corpo de um imigrante que morreu.

A guarda costeira italiana informou posteriormente que enviou ajuda à embarcação e havia resgatado 49 daqueles considerados vulneráveis entre os imigrantes a bordo.

O Louise Michel, de 30 metros de comprimento, é uma antiga embarcação da marinha francesa pintada de rosa e branco, adquirida com a venda do trabalho de Banksy.

O artista nascido em Bristol, que mantém sua identidade em segredo, é conhecido por seu grafite político ou social com obras em cidades ao redor do mundo. No ano passado, uma de suas pinturas representando primatas sentados no Parlamento britânico foi vendida por mais de 12 milhões de dólares em um leilão.

Últimas