Bomba interrompe reunião da ONU e camponeses na Colômbia

Camponeses e integrantes das Nações Unidas conversavam sobre a implementação dos pontos do processo de paz, assinado em 2016

Após o forte estrondo todos se levantaram assustados da reunião

Após o forte estrondo todos se levantaram assustados da reunião

Reprodução/ Twitter

Uma forte explosão interrompeu uma reunião entre camponeses e integrantes da ONU (Organização da Nações Unidas), na Colômbia, nesta sexta-feira (14). A bomba explodiu cerca de 200 metros de onde ocorria o encontro, em Vista Hermosa, no departamento de Meta.

O encontro entre os camponeses e os integrantes da ONU ocorria em uma região que vem presenciando inúmeros confrontos entre camponeses que plantam coca e o exército colombiano, que vai à região para acabar com os cultivos. 

Leia mais: Ex-guerrilheiros das Farc semeiam café com esperança de colher paz

Contudo, não está claro que grupo teria detonado o explosivo. As Forças Armadas afirmam que a responsabilidade seria das dissidências das FARC (antiga Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia), mas líderes sociais da região alegam que o exército tenta sabotar o processo de paz.

Um dos pontos acordados no processo de paz assinado em 2016, seria a subtituição dos cultivos de uso ilícito (coca e maconha) por produções regulares agropecuárias. A presença da ONU na região trata justamente de acompanhar como esse processo está acontecendo.