Internacional Boris Johnson permanece como primeiro-ministro do Reino Unido após votação no Parlamento

Boris Johnson permanece como primeiro-ministro do Reino Unido após votação no Parlamento

Dos 359 deputados conservadores, 211 votaram por manter o político no cargo, mesmo após o escândalo das festas na pandemia

  • Internacional | Do R7, da AFP

Resumindo a Notícia

  • Deputados conservadores votaram por manter Boris Johnson como premiê britânico
  • Primeiro-ministro está com credibilidade abalada após ser visto em festas durante a pandemia
  • Dos 359 conservadores, 211 votaram pela permanência de Jonhson
  • Apesar de vitória, reputação arranhada do premiê pode trazer um fim próximo
Primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson permanece no cargo mesmo após festas na pandemia

Primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson permanece no cargo mesmo após festas na pandemia

Alberto Pezzali / POOL / AFP

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, sobreviveu à moção de desconfiança do Partido Conservador nesta segunda-feira (6), votação que avalia a capacidade do político de permanecer no cargo. 

No total, 211 dos 359 deputados conservadores votaram a favor de o primeiro-ministro permanecer no cargo. No entanto, os 148 parlamentares que votaram contra o líder deixam sua legitimidade fortemente abalada.

Johnson correu o risco de perder o cargo após o escândalo das festas ilegais na residência oficial durante o período de confinamento na pandemia de Covid-19 no país.

Apesar de ter permanecido no cargo, o primeiro-ministro sai enfraquecido com o resultado e com a imagem prejudicada diante da população.

A sua antecessora, Theresa May, também passou pelo mesmo processo diante do Parlamento e obteve um resultado melhor que o de Johnson, com 63% dos votos a favor da permanência. Porém, foi tirada da cargo sete meses após o resultado em dezembro de 2018.

Últimas