Internacional Cidade ucraniana de Chernihiv é alvo de bombardeio apesar de promessas russas

Cidade ucraniana de Chernihiv é alvo de bombardeio apesar de promessas russas

Governador mencionou a destruição de infraestruturas civis e destacou que a região continua sem água e energia elétrica

AFP
Edifício residencial após ataque aéreo da Rússia, em Chernihiv

Edifício residencial após ataque aéreo da Rússia, em Chernihiv

Reuters - 13.02.2022

A cidade de Chernihiv, no norte da Ucrânia, foi alvo de bombardeios durante "toda a noite", disse o governador da região, Viacheslav Chaus, apesar do anúncio da Rússia de uma redução da atividade militar.

"Chernihiv foi bombardeada toda a noite com artilharia e aviões", afirmou no Telegram o governador, que mencionou a destruição de infraestruturas civis e destacou que a cidade continua sem água e energia elétrica.

A cidade, que tinha 280 mil habitantes antes da guerra, está sem comunicação nem possibilidade de reparar os meios para isso, acrescentou o governador, que também citou ataques contra Nizhyn, na mesma região.

Após negociações entre os dois países em Istambul, a Rússia prometeu nesta terça-feira (29) reduzir "radicalmente" as operações militares nas regiões de Kiev e Chernihiv, consideradas "substanciais".

"A situação não muda, Chernihiv é alvo de bombardeios de artilharia e aéreos", afirmou Chaus.

Depois de Mariupol, no sul, Chernihiv é a cidade mais afetada pelos bombardeios russos desde o início da guerra, em 24 de fevereiro.

Últimas