Rússia x Ucrânia

Internacional Cidade ucraniana tem mais de 1.500 corpos de militares russos em necrotério

Cidade ucraniana tem mais de 1.500 corpos de militares russos em necrotério

Prefeito pede a mães russas que busquem filhos que morreram em combate contra as tropas de Kiev

Agência EFE
Prefeito de cidade ucraniana diz que tem mais de 1.500 soldados russos em necrotério

Prefeito de cidade ucraniana diz que tem mais de 1.500 soldados russos em necrotério

EFE/EPA/SERGEY DOLZHENKO

O necrotério de Dnipro, na região central da Ucrânia, está guardando os corpos de mais de 1.500 militares da Rússia que ainda não foram reclamados por Moscou, segundo afirmou nesta quarta-feira (13) o prefeito da cidade, Mykhailo Lysenko.

De acordo com o veículo de imprensa ucraniano Nastoyaschee Vremya, o líder político municipal fez um apelo para que "as mães russas levem os corpos" dos filhos mortos nos confrontos com as forças de Kiev, desde o início da invasão russa, em 24 de fevereiro.

"Agora, há mais de 1.500 militares russos mortos no necrotério de Dnipro, que ninguém quer retirar. Estão armazenados em câmaras frigoríficas", indicou Lysenko.

"Já temos quatro câmaras frigoríficas lotadas de corpos de soldados russos", disse o prefeito de Dnipro, que disse não importar a nacionalidade dos mortos, apenas que "são filhos de alguém".

Dnipro é a quarta cidade mais populosa da Ucrânia e está localizada nas margens do rio Dnieper, que cruza o território do país de norte a sul.

Últimas