Internacional Começa novo julgamento do opositor russo Alexei Navalny

Começa novo julgamento do opositor russo Alexei Navalny

Principal líder da oposição está preso há um ano e pode ser condenado a dez anos adicionais por novas acusações de fraude

AFP
Alexei Navalny conversa com sua esposa, Yulia, antes de audiência no primeiro dia de seu novo julgamento

Alexei Navalny conversa com sua esposa, Yulia, antes de audiência no primeiro dia de seu novo julgamento

Alexander Nemenov/AFP - 15.02.2022

Um tribunal russo iniciou nesta terça-feira (15) um novo julgamento do político russo Alexei Navalny, o principal líder da oposição ao presidente Vladimir Putin, que está preso há um ano e pode ser condenado a dez anos adicionais por novas acusações de fraude.

Navalny, com o uniforme da prisão e a cabeça raspada, compareceu a uma sala de audiências da penitenciária em que cumpre a pena ao lado de seus advogados e cercado por guardas.

Durante a audiência, o opositor aproveitou um recesso técnico provocado por um problema de áudio para abraçar a esposa, Yulia.

Na última segunda-feira (14), a mulher do ativista contra a corrupção denunciou a "covardia" do governo russo. Ela classificou o processo de "ilegal" e as acusações de "desonestas". 

Navalny, de 45 anos, foi condenado a dois anos e meio de prisão em fevereiro de 2021 em outro processo por acusações de fraude, um julgamento que o ativista chamou de político e manipulado. 

Ele está preso na colônia penal de Pokrov, 100 quilômetros ao leste de Moscou. O processo iniciado nesta terça-feira acontece na penitenciária, o que foi criticado pelos simpatizantes de Navalny.

Em 2020, Navalny passou vários meses em recuperação na Alemanha depois de sobreviver a uma tentativa de envenenamento, que ele atribui ao presidente Vladimir Putin.

Grande inimigo do Kremlin, ele foi detido em janeiro de 2021 quando retornou à Rússia e condenado logo em seguida.

Últimas