Deu na gringa

Internacional Conta de R$ 3,5 mil por pratos de caranguejo gigante do Alasca vira caso de polícia em Singapura

Conta de R$ 3,5 mil por pratos de caranguejo gigante do Alasca vira caso de polícia em Singapura

Clientes afirmam que receberam uma sugestão de um atendente do restaurante e que o preço não estava claro no cardápio

  • Internacional | Do R7

Conta que passa dos R$ 3.500 faz turistas japoneses chamarem a polícia em restaurante em Singapura

Conta que passa dos R$ 3.500 faz turistas japoneses chamarem a polícia em restaurante em Singapura

Pixabay // reprodução - Junko Shinba

Um grupo de quatro turistas japoneses tomou um susto ao receber a conta do restaurante Seafood Paradise, em Singapura. O jantar saiu por um valor bem acima do esperado pelos clientes, e a noite acabou virando um caso de polícia.

Os turistas afirmam que aceitaram a sugestão de um atendente para experimentar o prato de caranguejo gigante do Alasca, também chamado de king crab. O fruto do mar é conhecido por ter dimensões impressionantes — pode pesar até 5 kg — e também por ser muito caro.
 



A pesca desse crustáceo ocorre em curtos períodos do ano em locais de mar frio, como no Alasca. A atividade é muito perigosa e há um complexo sistema de controle para não prejudicar a espécie. Por todos esses fatores, o preço costuma ser alto para quem quiser viver essa experiência gastronômica.

Quando receberam a conta, os turistas japoneses disseram que o valor no cardápio não estava claro. Eles entenderam que custaria US$ 20 por prato, mas esse preço era para cada 100 gramas.

Os quatro amigos se deliciaram com a iguaria e comeram 3.500 g de caranguejo-rei. Dessa forma, o restaurante cobrou US$ 700, cerca de R$ 3.500.

“Nenhum de nós foi informado de que o caranguejo inteiro seria cozido apenas para nós, pois alguns outros restaurantes servem caranguejos parcialmente”, disse Junko Shinba ao AsiaOneo.

Segundo o turista, o restaurante serviu tantos caranguejos que sobraram três pratos cheios.

A polícia foi chamada para resolver a situação. Tanto os clientes quanto o gerente do estabelecimento deram as suas versões do que aconteceu durante o jantar.

No fim, o restaurante ofereceu aos clientes um desconto de US$ 78 na conta de US$ 966, e os japoneses pagaram o valor, apesar da insatisfação com o que ocorreu. 

“Todos nós ficamos sem palavras ao saber que um jantar para quatro adultos custava tanto”, diz Shinba.

Em comunicado, o Paradise Group afirmou estar “profundamente chateado com as afirmações imprecisas feitas por este grupo de clientes”.

Sopa no lugar de sanduíche? Restaurante no Japão é premiado por errar a comida dos clientes

Últimas