Internacional Dez dias após tragédia, Turquia registra novo terremoto 

Dez dias após tragédia, Turquia registra novo terremoto 

Equipes de resgate que foram deslocadas para a região indicaram não haver registro de feridos ou mortos. Último tremor deixou 115 mortos

  • Internacional | Da EFE

Turquia registra novo terremoto

Turquia registra novo terremoto

Thinkstock

Um terremoto de 4,8 graus na escala Richter foi registrado nesta quarta-feira (11) na Turquia, mais precisamente na costa do mar Egeu, dez dias depois de um primeiro tremor, de 6,8 graus, ter provocado a morte de 115 pessoas e deixado mais de mil.

Segundo dados divulgados pelo observatório sismográfico de Kandilli, o abalo ocorreu às 3h49 (hora de Brasília), nos arredores da Baía de Kusadasi, na província de Aydin, que é vizinha à Esmirna, a mais afetada pelo terremoto anterior.

As equipes de resgate que foram deslocadas para a região indicaram não haver registro de feridos ou mortos.

Também foi possível sentir o tremor de terra em Esmirna, que em 30 de outubro foi abalada por outro fenômeno semelhante, mas com maior intensidade. Ao todo, 17 edifícios colapsaram, deixando mais de uma centena de vítimas.

Hoje, durante o terremoto, a população local chegou a entrar em pânico, temendo uma nova tragédia, segundo indica a imprensa local.

"O terremoto se tornou uma parte das nossas vidas, como o coronavírus. Psicologicamente, ficamos muito perturbados", admitiu Özlem Karakaya, um dos milhares de desabrigados por consequência do primeiro tremor, ao jornal Milliyet.

Últimas