Internacional Entenda o plano para solucionar conflito entre Israel e Palestina

Entenda o plano para solucionar conflito entre Israel e Palestina

Especialista explica as histórias por trás do conflito e diz que a proposta apresentada por Trump é "basicamente um acordo de rendição" palestina

Bruno Huberman é pesquisador da questão Israel-Palestina da PUC

Bruno Huberman é pesquisador da questão Israel-Palestina da PUC

Reprodução/Record TV

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, apresentou nesta terça-feira (28) um plano de paz para o Oriente Médio. O projeto ainda tenta encontrar uma solução para o conflito entre Israel e Palestina.

Em entrevista a Heródoto Barbeiro, do JR News, da Record News, Bruno Huberman, pesquisador da questão Israel-Palestina da PUC, explica o conflito na região e os principais pontos do projeto.

O pesquisador explica que originalmente o território da Palestina era bem maior, mas, nos últimos 50 anos, houve um processo de colonização que criou o Estado de Israel.

Veja também: Abbas diz que Palestina não aceitará plano de paz proposto por Trump

Segundo Huberman, a proposta apresenta por Trump vai diminuir ainda mais o território palestino. “É um acordo de rendição basicamente”.

Ele diz que, na prática, o acordo tira as partes importantes de Jerusalém, como mesquitas e templos, do território palestino em troca de uma área que “na verdade não é Jerusalém”.

O pesquisador afirma que Trump e Benjamin Netanyahu, premiê de Israel, oferecem aos palestinos dois territórios que “ninguém quer”, além de ajuda financeira de US$ 50 bilhões.

“Eles estão querendo comprar os palestinos com dinheiro, uma parte do território que ninguém quer em troca de cessão de territórios férteis e desenvolvidos que todo mundo quer”.

Assista à entrevista na íntegra: