Internacional Escoceses comemoram liberdade de imigrantes em Glasgow

Escoceses comemoram liberdade de imigrantes em Glasgow

Cerca de 200 pessoas tentaram impedir que van da polícia levasse homens durante celebração muçulmana

Cerca de 200 pessoas tentaram impedir que imigrantes fossem levados

Cerca de 200 pessoas tentaram impedir que imigrantes fossem levados

Andy Buchanan/AFP - 13.5.2021

Centenas de escoceses se reuniram nas ruas de Glasgow, na Escócia, para pedir a liberdade de dois imigrantes que foram presos por policiais na quinta-feira (13). Horas depois de protestos, os homens foram libertados pelas autoridades.

Cerca de 200 manifestantes cercaram a van da polícia para impedir que os homens fossem levados durante o Eid al-Fitr, a celebração muçulmana que marca o fim do jejum no Ramadã, o mês sagrado na religião.

Segundo o jornal britânico The Guardian, os manifestantes bradavam “esses são os nossos vizinhos, deixem eles ir” e uma pessoa chegou a deitar embaixo da van para impedir que ela fosse embora.

Pouco depois das 17h (13h no horário de Brasília), os dois homens foram libertados “a fim de proteger a segurança, saúde pública e bem-estar das pessoas envolvidas na detenção e subsequente protesto”, disse Mark Sutherland, da polícia escocesa.

De acordo com o The Guardian, o status do asilo dos dois imigrantes não estava claro.

Últimas