Internacional Extensão do gelo marinho da Antártida registra nova mínima histórica 

Extensão do gelo marinho da Antártida registra nova mínima histórica 

Níveis caíram abaixo do recorde anterior, estabelecido em fevereiro de 2022

Agência Estado

Renato Granieri

A extensão do gelo marinho da Antártida registrou um novo mínimo histórico depois de ter sido reduzida para 1,91 milhão de quilômetros quadrados em 13 de fevereiro, segundo dados do Centro Nacional de Dados de Gelo e Agência de Proteção de Neve (NSIDC, na sigla em inglês). Nesse dia, os níveis caíram abaixo do recorde anterior, de 1,92 milhão de quilômetros quadrados, estabelecido em 25 de fevereiro de 2022.

Desde meados de dezembro, a extensão do gelo está bem abaixo dos níveis da temporada de derretimento do ano passado. Segundo os especialistas, 2023 é o segundo ano em que a extensão da Antártida cai abaixo de 2 milhões de quilômetros quadrados.

Nos últimos anos, os índices mínimos ocorreram entre 18 de fevereiro e 3 de março, então é provável que os níveis de gelo continuem em queda. A tendência linear descendente na extensão mínima da Antártida de 1979 a 2023 é de 2.400 quilômetros quadrados por ano ou 0,9% por década.

Últimas