Internacional Há mais de mil palestinos feridos em Jerusalém, diz ONU

Há mais de mil palestinos feridos em Jerusalém, diz ONU

Conflito ficou mais violento nesta terça (11), com vários ataques acontecendo de lado a lado; Dois prédios foram destruídos em Gaza

Foguetes causam destruição em Gaza

Foguetes causam destruição em Gaza

Ahmed Gharabli / AFP - 11.5.2021

Segundo a ONU, de sexta-feira (7) até esta segunda (10), cerca de mil palestinos foram feridos em Jerusalém Oriental após ataques de Israel. A informação foi publicada pelo Al Jazeera, que diz ainda que destes mil feridos, 735 foram atingidos por balas de borracha. Um palestino perdeu um olho após um desses disparos.

Nesta terça, o confronto entre Israel e o Hamas ficou mais violento. Mais cedo, Tel Aviv foi atingida por 130 foguetes lançados pelo Hamas, o que causou a morte de três pessoas. O ataque foi uma resposta à destruição de um prédio de 12 andares do grupo armado que foi causada por Israel. Até o final do dia, a Al Jazeera reportou que o Hamas havia disparado por volta de 200 foguetes contra Israel.

Benny Gant, ministro da Defesa israelense, disse que tem ainda muitos alvos do Hamas para atingir e que "nenhum país soberano aceitaria disparos contra sua população, nós tampouco".

Os ataques de lado a lado continuaram durante a noite e um segundo prédio foi destuído em Gaza.

O conflito entre o Hamas e Israel começou após vários dias de confrontos em Jerusalém Oriental, região palestina da cidade que é ocupada por Israel.

Últimas