Incêndio atinge navios no Irã em nova suspeita de sabotagem

Pelo menos 7 embarcações foram atingidas e não há registro de vítimas; país vem sofrendo uma série de explosões e incêndios nas últimas semanas

Incêndio no porto de Bushehr, no Irã, atingiu pelo menos sete navios

Incêndio no porto de Bushehr, no Irã, atingiu pelo menos sete navios

WANA via Reuters / 15.7.2020

Um incêndio de grandes proporções atingiu pelo menos sete navios no porto de Buhsher, no sul do Irã, nesta quarta-feira (15), após suspeitas de atos de sabotagens estrangeiras contra o país nos últimos dias. Até o momento, no entanto, a causa do incêndio é desconhecida.

Leia também: O que há por trás dos misteriosos incêndios em lugares-chave do Irã, como centrais nucleares?

De acordo com a agência Irna, não há vítimas e os bombeiros trabalham para conter as chamas.

Série de incidentes

Nas últimas semanas, uma série de incêndios e explosões foram registradas em instalações industriais e militares iranianas. A mais recente ocorreu no complexo de Natanz, principal programa nuclear do Irã.

Na ocasião, um oficial de inteligência, cuja identidade não foi revelada, disse ao jornal americano The New York Times que a destruição foi causada por um explosivo colocado dentro da instalação, reforçando a teoria de sabotagem, já que no mesmo dia jornalistas do serviço de língua persa da BBC receberam e-mails de um grupo composto por dissidentes militares do Irã nos quais assumiu a responsabilidade do incêndio.