Internacional Incêndio em quartel da polícia no Egito deixa 38 feridos

Incêndio em quartel da polícia no Egito deixa 38 feridos

Ministro ordenou uma investigação para estabelecer as causas do incidente e uma inspeção das normas de segurança no edifício

AFP
Incêndio foi controlado após algumas horas

Incêndio foi controlado após algumas horas

AFP - 02.10.2023

Ao menos 38 pessoas ficaram feridas em um grande incêndio nesta segunda-feira (2) no principal quartel da polícia na cidade egípcia de Ismailia, no canal de Suez, informou o Ministério da Saúde.

O incêndio começou antes do amanhecer na sede da Direção de Segurança e foi controlado após algumas horas pelos bombeiros.

A causa do incêndio ainda não foi determinada.

Imagens publicadas nas redes sociais mostram grandes chamas em vários andares do edifício, que tem a presença contínua de policiais.

O ministro do Interior, Mahmoud Tawfik, ordenou uma investigação para estabelecer as causas do incêndio e uma inspeção das normas de segurança no edifício.

Os incêndios, muitas vezes provocados por curtos-circuitos, são relativamente frequentes no país mais populoso do mundo árabe (105 milhões de habitantes), com infraestruturas antigas e mal conservadas.

Em agosto de 2022, um incêndio matou 41 fiéis em uma igreja localizada em um beco de um bairro operário do Cairo, o que gerou uma grande polêmica sobre as infraestruturas e o tempo de resposta dos bombeiros.

Em março de 2021, ao menos 20 pessoas morreram no incêndio em uma fábrica têxtil no subúrbio do Cairo. Em 2020, dois incêndios em hospitais deixaram 14 mortos.

Últimas