Internacional Irmão do 'Leão do Panjshir' nega derrota da resistência para Talibã

Irmão do 'Leão do Panjshir' nega derrota da resistência para Talibã

Segundo Ahmad Wali Massoud, grupo fundamentalista não conseguiu tomar a única província afegã que ainda não controla

AFP
Ahmad Wali Massoud

Ahmad Wali Massoud

Wikipédia

Ahmad Wali Massoud, irmão de Ahmad Shah Massoud, o chamado "Leão do Panjshir", desmentiu nesta terça-feira (7) que os talibãs conseguiram derrotar a resistência na única das 34 províncias do Afeganistão que não controlam.

Os talibãs chegaram com terroristas estrangeiros e tomaram uma rota para Panjshir, mas ninguém pense que porque tomaram a estrada, tomaram Panjshir. Não conseguiram", disse Massoud Massoud, durante conferência realizada em Genebra, na Suíça, organizada por uma universidade.

O irmão do "Leão do Panjshir — herói de guerra afegão, que lutou contra a presença soviética durante os anos 70 e 80 e depois contra o regime talibã, nos anos 90 — lembrou que a província tem muitas montanhas de difícil acesso, onde foram estabelecidas bases da resistência.

Leia também: FRN: conheça o grupo antitalibã que ainda resiste no Afeganistão

"Temos milhares de combatentes no vale. Já vi várias vezes essa situação, com os soviéticos, os comunistas e os talibãs, mas a resistência sempre prevaleceu", garantiu Massoud.

Convidado para analisar a situação do Afeganistão, o irmão do líder militar afirmou que o grupo fundamentalista, anteriormente, abriu diálogo com as lideranças de Panjshir, que aceitaram sentar à mesa, mas depois foram alvo de ofensiva que visava a tomada da província.

Ontem, os talibãs anunciaram que tinham conseguido vencer a resistência em Panjshir, com isso, estava encerrada a guerra no Afeganistão. O comando da resistência, no entanto, negou a derrota e indicou que os combates seguiam acontecendo.

Leia também: Conheça o Talibã, grupo radical que está no controle do Afeganistão

"Panjshir não aceitou as reinvindicações deles, assim, seguem lutando", disse Massoud.

A resistência na província é comandada pelo ex-presidente afegão, Amrullah Saleh, que havia se autoproclamado o novo chefe de governo do país, com a fuga de Ashraf Ghani, ocorrida após a tomada de Cabul.

Além disso, está no comando das forças, Ahmad Massoud, filho de Ahmad Shah Massoud, o "Leão de Pansjhir".

Últimas