Jacques Chirac, ex-presidente da França, morre aos 86 anos

Conservador governou o país entre 1995 e 2007. Ele tinha 86 anos e morreu nesta quinta-feira, de acordo com anúncio feito pela sua família

Ex-presidente da França, Jacques Chirac

Ex-presidente da França, Jacques Chirac

REUTERS/Philippe Wojaze/File Photo

O ex-presidente da França entre 1995 e 2007, o conservador Jacques Chirac, morreu nesta quinta-feira, aos 86 anos, de acordo com anúncio feito pela sua família. 

Sua saúde se deteriorou desde sua saída do poder, principalmente por causa de um derrame sofrido em 2005, durante seu segundo mandato.

Em setembro de 2016, ele teve que retornar à França com urgência deixando o Marrocos, onde estava de férias, para ser hospitalizado por conta de uma infecção pulmonar. Sua última aparição em um ato oficial foi em novembro de 2014.

Em uma das primeiras reações dos responsáveis pelas altas instituições francesas, o presidente da Assembleia Nacional, Richard Ferrand, disse que Chirac "faz parte da história da França".

O antigo mandatário, que nasceu em Paris, no dia 29 de novembro de 1932, estudou no Instituto de Estudos Políticos da capital francesa (Sciences Po) e em sua juventude esteve ligado a socialistas e comunistas, mas logo rumou para a direita e, durante décadas, foi um dos seus principais líderes.

Antes de chegar ao Palácio do Eliseu, sede oficial do governo francês, foi duas vezes primeiro-ministro, assim como ministro e também prefeito de Paris.