Internacional Kiev pode ter ar contaminado por incêndio próximo à Chernobyl

Kiev pode ter ar contaminado por incêndio próximo à Chernobyl

Chamas que atingiram floresta em região próxima da antiga usina nuclear podem levar material radioativo para capital da Ucrânia

  • Internacional | Do R7

Autoridade ucraniana afirma que radiação ficará dentro do limite seguro

Autoridade ucraniana afirma que radiação ficará dentro do limite seguro

Yaroslav Yemelianenko/Reuters - 05.04.2020

O incêndio que começou no dia 4 de abril em floresta próxima da Usina Nuclear de Chernobyl pode fazer com que fumaça contendo material radioativo chegue até Kiev, capital da Ucrânia. 

De acordo com a agência de notícias russa Sputnik, o chefe da Inspeção Estatal de Regulamento Nuclear da Ucrânia, Grigory Plachkov, informou que a concentração de substâncias nocivas no ar não excederá os valores admissíveis.

Plachkov teria afirmado também que as concentrações previstas de césio-137, elemento radioativo, no ar de Kiev será mais de 100 vezes inferiores ao nível permitido.

A usina de Chernobyl teve um de seus reatores atômicos destruídos em uma explosão no dia 26 de abril de 1986. Após o acidente, foi estabelecida nas redondezas uma "zona de exclusão" para manter as pessoas distantes dos locais contaminados pela radiação

O fogo na semana passada ocorreu exatamente nessa área de segurança. Em três dias, 35 hectares de floresta foram consumidas pela chamas.

Últimas