Estados Unidos

Internacional Flórida poderá executar estupradores de crianças a partir do próximo domingo

Flórida poderá executar estupradores de crianças a partir do próximo domingo

Lei que vai entrar em vigor permite condenar criminosos à pena de morte desde que dois terços do júri concordem com a sentença

Agência EFE
Ron DeSantis, governador da Flórida, disse que a medida protegerá as crianças

Ron DeSantis, governador da Flórida, disse que a medida protegerá as crianças

Suprema Corte da Flórida/Divulgação

Uma nova lei do estado da Flórida (EUA) que permite a aplicação da pena de morte a pessoas condenadas por estupro infantil entrará em vigor no próximo domingo, junto com uma bateria de leis aprovadas durante a sessão legislativa do último mês de maio.

A mais polêmica das leis, a HB 1297, permitirá a execução de condenados por agressões sexuais a menores de 12 anos, caso oito dos 12 membros do júri votem a favor da aplicação da pena máxima ao réu.

Essa lei, se realmente passar a vigorar, provavelmente gerará disputas ou desafios legais, uma vez que vai contra a doutrina da Suprema Corte dos EUA e da Suprema Corte do estado da Flórida.

No caso de menos de oito jurados recomendarem a pena de morte, será imposta a prisão perpétua sem direito à liberdade condicional.

Durante a assinatura da lei, no dia 1º de maio, o governador da Flórida, o republicano Ron DeSantis, disse que a medida tem como objetivo “proteger as crianças”.

"Na nossa sociedade, temos crimes sexuais muito atrozes cometidos contra crianças com menos de 12 anos. Estes são verdadeiramente o pior do pior. Os autores desses crimes costumam ser criminosos em série", declarou DeSantis na ocasião.

Água poluída e tratada da usina de Fukushima passa a afetar economia do Japão após despejo no oceano

Últimas