Família Real

Internacional Livro de príncipe Harry dá 'combustível' a uma autobiografia de Meghan

Livro de príncipe Harry dá 'combustível' a uma autobiografia de Meghan

Páginas da obra do duque de Sussex não mencionam entrevista a Oprah Winfrey nem a repercussão que ela teve na família real

  • Internacional | Maria Cunha*, do R7

Resumindo a Notícia
  • Livro de Harry levantou rumores de que Meghan poderia estar planejando autobiografia

  • Alguns dos 'capítulos principais' da obra do príncipe estariam 'estranhamente ausentes'

  • Um evento que não é citado é a entrevista concedida à apresentadora Oprah Winfrey

  • Páginas do livro de Harry são um 'combustível' para biografia de Meghan, diz especialista

Capítulos importantes estariam faltando na autobiografia do príncipe Harry

Capítulos importantes estariam faltando na autobiografia do príncipe Harry

Peter Nicholls/Reuters - 10.1.2023

O explosivo livro de memórias do príncipe Harry, Spare (O que sobra, em português), levantou rumores de que Meghan Markle poderia estar planejando publicar uma autobiografia, já que alguns dos "capítulos principais" estavam "estranhamente ausentes", afirmou um especialista.

A crítica real Daniela Elser alegou que vários "capítulos importantes" estão faltando na autobiografia de Harry, lançada no início deste mês.

Para a especialista, ficou faltando abordar um dos aspectos mais controversos desde que o casal deixou a família real: a entrevista concedida à apresentadora americana Oprah Winfrey. 

Daniela afirma que as 400 páginas do livro de Harry são um "combustível" para uma biografia de Meghan. Ela acredita que capítulos-chave foram estranhamente esquecidos em Spare.

A crítica acrescenta que Meghan havia levantado uma possível acusação de racismo contra a família real em entrevista a Oprah. Esse caso voltou a repercutir após Harry ser questionado sobre o assunto pelo jornalista Tom Bradby, mas ele negou o caso de preconceito dizendo que era algo "inconsciente".

Daniela acrescenta que na entrevista a Oprah os Sussex mencionaram que "havia 'preocupações e conversas sobre o quão escura' a 'pele' de seu primeiro bebê pode ser". O "barulho" que se seguiu, disse ela, não apareceu em Spare.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Pablo Marques

Últimas