Internacional Mancha de petróleo surge onde submarino indonésio desapareceu

Mancha de petróleo surge onde submarino indonésio desapareceu

Autoridades do país realizam buscas com auxílio de outros países para resgatar as 53 pessoas que estavam a bordo

  • Internacional | Da AFP

Submarino indonésio desapareceu no mar com 53 pessoas a bordo

Submarino indonésio desapareceu no mar com 53 pessoas a bordo

Flicker/The U.S. Pacific Fleet

Um vazamento de petróleo foi detectado na área onde a Marinha da Indonésia perdeu contato com um submarino com 53 homens a bordo na costa do Bali, informou o ministério da Defesa nesta quarta-feira (21).

"Cerca da 7h da manhã, o monitoramento realizado por um helicóptero descobriu um vazamento de petróleo na posição onde o submarino desapareceu", disse o ministério em um comunicado.

A Marinha indonésia informou anteriormente que estava procurando um submarino de sua frota com o qual havia perdido contato nesta quarta-feira pela manhã depois de realizar exercícios na costa do Bali.

Jacarta enviou navios de guerra à região, disse o comandante das forças armadas indonésias Hadi Tjahjanto à AFP.

O submarino "se encontra a uma profundidade de 700 metros" ao norte da ilha de Bali "com 53 tripulantes a bordo", afirmou.

"O submarino 'KRI Nanggala 402' não restabeleceu contato com sua base inicial, às 3h locais (16h de terça, no horário de Brasília)", destacou o comodoro (primeiro almirante) Julius Widjojono, porta-voz da Marinha.

A Marinha indonésia "realiza atualmente tarefas de busca (...). Conhecemos a área, mas é muito profunda", acrescentou.

As autoridades pediram ajuda à Cingapura e Austrália para essas tarefas, segundo a fonte.

O submarino, armado na Alemanha, iria participar de manobras que incluiam lançamento de torpedos.

A Marinha da Indonésia possui uma frota de cinco submarinos, construídos na Alemanha e Coreia do Sul.

O "KRI Nanggala 402" foi lançado em 1978, segundo um site do governo e posteriormente sofreu alterações para modernizá-lo.

Últimas